Hercilia_Nova
Hercilia_NovaFoto: Divulgação

Muito sério o motivo que tem levado grandes marcas a deixarem de anunciar na internet. Ninguém quer investir para ver seu nome aparecendo em um site que incita o terrorismo ou frequentado por pedófilos, por exemplo. Audi, L’Oreal, Volkswagen, Toyota e McDonald’s estão entre as mais de 200 empresas que decidiram tirar seus anúncios do Youtube pertencente ao Google. O motivo é que elas estavam aparecendo em vídeos com perfis, no mínimo, questionáveis. A gigante das buscas reconhece que existem falhas. O diretor do Google na Europa, Matt Brittin, chegou a assumir publicamente a responsabilidade e garantiu que vai reverter os erros e que está investindo milhões de dólares para modificar a metodologia de publicação de anúncios realizada pela plataforma. O desafio parece tão gigantesco quanto o prejuízo, afinal, identificar os vídeos extremistas, um a um, e manter os anunciantes fora deles, controlando o destino das publicidades milionárias, não é mesmo tarefa para robôs.

Mais de 200 empresas decidiram tirar seus anúncios do Youtube por estarem aparecendo em vídeos extremistas

O boato da vez
Boato é uma coisa que se propaga com a velocidade de um foguete em tempo de redes sociais. Um dos que ganharam corpo nas últimas semanas - bem irritante, inclusive - foi o de que o Facebook tornaria públicas todas as postagens de quem não publicasse uma mensagem proibindo a prática. Virou piada, mas vingou. Tanto que a rede social teve que emitir comunicado oficial negando tudo. Pior para os que viram suas TLs lotadas com os “alertas”. #irritante #santainocência.

GAMERS > Os visitantes do Museu do Videogame Itinerante, que fica até o próximo domingo no Shopping Recife, terão a oportunidade de jogar gratuitamente o Nintendo Switch, o mais novo console da fabricante japonesa que foi lançado há alguns dias em vários países, mas que ainda não está disponível no Brasil. Os jogadores poderão experimentar, nesta primeira etapa, o game “The Legend of Zelda: Breath of The Wild” no console que chega como um sucessor do Nintendo 3DS e também do Wii U.

EDUCAÇÃO > A pernambucana Ensinar Tecnologia Educacional, representante oficial do Google for Education no Brasil, vai promover um Road Show por sete capitais do Nordeste. Recife será a primeira capital a receber o evento, dia 3 de abril, das 8h às 12h, no auditório da unidade da Faculdade Maurício de Nassau, no bairro das Graças. A entrada é gratuita, mas as vagas são limitadas. Inscrições pelo site www.ensinartecnologia.com.br/inscricao/.
UBER > Após seis meses à frente da companhia, Jeff Jones, presidente da Uber e a segunda pessoa mais importante do serviço alternativo de transporte, saiu da empresa. O executivo não gostou de saber que Travis Kalanick, cofundador e presidente-executivo da companhia, estava em busca de um COO para “escrever o próximo capítulo da jornada”.
MEDO DE BOMBA? > A paranoia do presidente americano com o terrorismo chegou até aos eletrônicos como tablets e laptops. Agora, voos procedentes de alguns países do Oriente Médio, incluindo Egito, Jordânia, Arábia Saudita e Emirados Árabes, não permitem mais o embarque de nenhum aparelho maior que um smartphone. Já estão dizendo nas redes que em breve os passageiros terão que viajar sem mala e com roupa de hospital.

 

veja também

comentários

comece o dia bem informado: