Fabricado no  México, o modelo será vendido no Brasil por R$ 166.700. A?Nissan garante que o preço faz jus ao carro
Fabricado no México, o modelo será vendido no Brasil por R$ 166.700. A?Nissan garante que o preço faz jus ao carroFoto: Divulgação

A Nova Nissan Frontier está chegando às concessionárias brasileiras com a promessa de encarar qualquer obstáculo sem pecar na segurança e no conforto. Isto porque a picape ganhou ainda mais força e potência na sua 12ª geração, graças a novidades como o Chassi Duplo C, o motor diesel 2.3 com duplo turbo, o câmbio automático de sete velocidades e uma série de funções tecnológicas que garantem o bom desempenho do veículo e o bem-estar do motorista até nos pisos mais acidentados. 

Fabricado no México, o modelo começa a ser vendido no Brasil por R$ 166.700. E a Nissan garante que o preço faz jus ao carro. É que, apesar de manter a identidade da picape que é sucesso há 80 anos e aproveitar diferenciais tecnológicos do Nissan Kicks, a montadora japonesa atualizou alguns dos principais equipamentos da Frontier para garantir aquilo que define uma picape - força, robustez e durabilidade -, sem deixar de lado a inteligência, o conforto e a tecnologia.

O chassi, por exemplo, mudou de material para ficar quatro vezes mais resistente e 44 quilos mais leve. De aço reforçado, o “esqueleto do utilitário” conta com oito barras transversais para suportar o peso da carroceria e deixar o veículo estável mesmo em pisos irregulares. O carro ainda perdeu 133 quilos na carroceria e na parte mecânica. Por isso, é leve de dirigir mesmo com seus mais de cinco metros de extensão.

A Nova Nissan Frontier ainda mostra-se ágil e potente na estrada. É que o novo câmbio automático de sete velocidades encurtou as primeiras marchas para garantir respostas rápidas na aceleração e estabilidade em altas velocidades. E se essa combinação ainda não agradar o motorista, dá para optar pelo câmbio automático.

O novo motor 2.3 diesel é outra novidade. Ele conta com 16 válvulas e atua com dois turbos para garantir eficiência e economia de combustível. Com isso, faz 190 cavalos e até 1.500 rotações por minuto. O motor só não é tão silencioso quanto o de picapes como a Toro, mas mostra sua potência tanto na estrada quanto fora dela.

O desempenho off road, por sinal, é um capítulo à parte da Nova Nissan Frontier. É que, para garantir um bom desempenho nos pisos acidentados que normalmente recebem as picapes, a montadora japonesa equipou o modelo com a tração 4x4 Shift on the Fly, que garante força nas quatro rodas até os 100 km/h. Outro diferencial é a suspensão multilink, que combina molas helicoidais com um eixo rígido, garantindo maior estabilidade e aderência ao solo. Por isso, o motorista não precisa fazer esforço ou sofrer com solavancos fortes para passar por obstáculos.

Ele ainda pode confiar na frenagem, porque o utilitário tem freios ABS com controle eletrônico e ainda conta com o controle automático de descida (HDC), que segura o carro até nas situações mais íngremes, e o sistema de partida em rampa (HSA), que encara qualquer subida sem deixar o veículo ir para trás. Segundo a Nissan, o HSA segura a Frontier por até três segundos depois de o motorista tirar o pé do freio, evitando colisões com obstáculos traseiros.

A força do modelo também faz parte do seu design, que ganhou uma aparência mais ampla e musculosa. A picape ainda ficou mais alta e espaçosa, para garantir o conforto dos passageiros. Por dentro também não falta comodidade. Além do amplo espaço interno, a Nova Nissan Frontier conta com bancos de couro, que, no caso do motorista, é regulado automaticamente e foi inspirado em tecnologia da Nasa para evitar a fadiga do condutor. Falando em tecnologia, a Frontier ainda vem com chave inteligente e central multimídia com memória de dois gigabytes para aplicativos.

veja também

comentários

colabore com a folha

comece o dia bem informado: