Anselmo e Maylson atuaram no Clássico das Emoções, com o camisa 9 marcando o gol alvirrubro
Anselmo e Maylson atuaram no Clássico das Emoções, com o camisa 9 marcando o gol alvirrubroFoto: Anderson Stevens

Ao término do Clássico das Emoções entre Santa Cruz e Náutico, no Arruda, dois jogadores foram rapidamente procurados pelos jornalistas. O assunto ia além do empate em 1x1 que acabou com as chances do Timbu de garantir uma vaga na Copa do Nordeste do ano que vem. O volante Maylson e o atacante Anselmo tiveram que responder outro tipo de pergunta: eles ficam ou vão embora? Em um processo de readequação financeira, o Náutico procurou alguns atletas de salários elevados para negociar o contrato – outros se anteciparam e pediram dispensa. No caso da dupla, a permanência ainda não está garantida. Mesmo assim, os dois foram relacionados para o Clássico das Emoções e entraram no decorrer da partida.

"Não pedi para sair. Como a pessoa sai sem saber e volta sem nunca ter saído? Tenho contrato até o fim do ano e quero ficar, mas torço para que as coisas se arrumem. Quero ficar com a cabeça voltada somente ao futebol", afirmou Anselmo. "Espero que tudo se resolva nesta semana para ter tranquilidade na hora de trabalhar. Quero ficar, mas tem coisas que não dependem de mim", indicou Maylson.

Enquanto a situação da dupla segue indefinida, o Náutico vai se organizando na busca por reforços para a Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta quarta (17), as três primeiras contratações do clube para o torneio já treinaram com os jogadores que não atuaram no clássico: o lateral-esquerdo Jeanderson, o zagueiro Aislan e o volante Amaral. O trio fez um soccertest em um campo à parte e depois participou do trabalho com bola.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: