Daniel Paulista considerou sua expulsão injusta. “Não fiz nada”, garante
Daniel Paulista considerou sua expulsão injusta. “Não fiz nada”, garanteFoto: Arthur Mota

Não foi uma atuação primorosa, mas numa análise mais fria, o treinador Daniel Paulista afirmou que esteve satisfeito com a atuação do Sport diante do Belo Jardim. Por conta do planejamento da diretoria da Praça da Bandeira, o time reserva foi utilizado. O ponto positivo é que dos 21 relacionados para o confronto, 15 eram atletas formados nas categorias de base do clube.

Somente na formação titular contra o Calango foram cinco nomes, sendo eles: Fabrício, Thallyson, Fábio, Alisson e Everton Felipe. Este último ainda briga por uma vaga no time principal, tendo perdido ela recentemente para Leandro Pereira. “Saio satisfeito pela oportunidade que eles tiveram e pela forma como eles corresponderam. De 21, 15 eram das categorias de base. Embora não tenha sido um primor, foi um jogo valente, o Sport foi para cima e o Belo Jardim ficou no sistema defensivo. Poderíamos ter feito um placar mais elástico. O trabalho está sendo feito e estamos indo para a quarta vitória seguida”, comentou Daniel Paulista.

Para o confronto contra o Sampaio Corrêa, nesta quarta-feira (22), pela Copa do Nordeste, o Leão deve utilizar o que tem de melhor à disposição. Destaque do time, Diego Souza se apresentou à Seleção Brasileira e é uma ausência certa, assim como Mena, que foi convocado pela seleção chilena.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: