Cármen Lúcia disse que sentenças a favor de remédios são democráticas
Cármen Lúcia disse que sentenças a favor de remédios são democráticasFoto: Fábio Pozzebom/ABR

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, convocou para amanhã (12), às 10h, na sede da Corte, uma reunião com os presidentes dos 27 tribunais de Justiça do país para a crise do sistema penitenciário.

Cármen Lúcia pretender dar continuidade aos esforços do Judiciário para encontrar soluções para a crise. O presidente do Tribunal de Justiça de Pernambuco, Leopoldo Raposo, já confirmou presença.

Leia mais:
Presos envolvidos em chacina em Manaus são transferidos para prisões federais

Na semana passada, após a rebelião que terminou com 56 presos mortos no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), em Manaus, a ministra se reuniu com os presidentes dos tribunais da Região Norte para debater o assunto.

Desde que assumiu o comando do Judiciário, em setembro, a ministra tem feito visitas surpresa a penitenciárias do país e já esteve em unidades prisionais no Distrito Federal, Rio Grande do Norte e Rio Grande do Sul.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: