No "bloco da bicharada" os animais saem fantasiados
No "bloco da bicharada" os animais saem fantasiadosFoto: Kennel Club/Divulgação

A partir da necessidade de conscientizar a população sobre as causas dos animais, desde 2014 o Movimento de Defesa Animal de Pernambuco (MDA -PE) organiza um bloco de carnaval no Parque Santana, na Zona Norte do Recife, para dar mais visibilidade à discussão em torno dos maus tratos de animais no período carnavalesco, já que nessa época muitos animais são abandonados pelas famílias que viajam.

No ‘bloco da bicharada’, que será realizado neste sábado (18), os animais saem fantasiados e, somente no ano passado, houve cerca de 40 animais participando do bloco. Para 2017, a expectativa é que esse número aumente ainda mais. Na programação, há concurso de fantasias - para conquistar os primeiros lugares, os candidatos terão que pontuar em simpatia e originalidade, e os vencedores ganharão consulta veterinária gratuita, banho e tosa, hotelzinho ou creche e o livro “amiga vetta”.  

A presidenta do MDA, Goretti Queiroz, faz um apelo à sociedade para que as pessoas recolham das ruas e dê abrigo aos animais durante a folia de Momo. “Fazem absurdos com os animais no Carnaval, eles ficam muito assustados com a agitação e fogos. No Galo da Madrugada, até chegam a jogar cães no rio. O Bloco da Bicharada é um bloco de conscientização”.

O MDA também organiza outros eventos ao longo do ano, como o Forró Dog e o dia 4 de outubro, dia de São Francisco de Assis. O intuito desses eventos é recolher doações para animais de rua e promover a socialização entre os animais.


veja também

comentários

comece o dia bem informado: