Objetivo do Trabalho de Conclusão do Fundamental (TCF)  é despertar nos alunos da rede estadual o interesse pela pesquisa, planejamento e investigação
Objetivo do Trabalho de Conclusão do Fundamental (TCF) é despertar nos alunos da rede estadual o interesse pela pesquisa, planejamento e investigaçãoFoto: Ademar Filho/SEE

Os estudantes do 9º ano da Rede Estadual que estão concluindo esta fase dos estudos para avançar para o Ensino Médio contam com uma novidade na área pedagógica: o Trabalho de Conclusão do Fundamental (TCF). A iniciativa da Secretaria Estadual de Educação já está valendo como uma das notas do quarto bimestre deste ano, em caráter voluntário. A partir do próximo ano, ele já se integra como parte do Ensino Fundamental.

O objetivo é despertar nos alunos o interesse pela pesquisa, planejamento e investigação, a partir de algum tema que o grupo tenha vontade de saber mais, diagnosticar, intervir na realidade. Os temas serão de livre escolha dos grupos – que podem ter até seis integrantes –, e eles terão um professor como orientador dos seus projetos, que pode ser da disciplina que esteja mais ligada aos seus temas.

O resultado pode ser apresentado em diversos formatos, como um aplicativo, uma exposição, uma maquete, um vídeo, entre outras possibilidades. Cada escola vai fixar a data, que coincidirá com o período de encerramento do calendário escolar, e como se dará a apresentação destes trabalhos.

“É uma ação inovadora, voltada para os estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental, com o objetivo de despertar o interesse deles para a investigação científica. Uma coisa bacana é que os estudantes vão poder escolher a temática que eles querem investigar, e a forma como eles vão apresentar, e fazer um planejamento”, explica a secretária executiva de Desenvolvimento da Educação, Ana Selva.

Conforme o cronograma planejado, os estudantes precisariam estabelecer seus grupos, temas e eleger os professores orientadores até o final de agosto. Os meses de setembro e outubro foram dedicados ao planejamento, às referências teóricas e à investigação, e o de novembro para finalizar o trabalho e apresentá-lo.

Até o final de outubro, cerca de 55% dos quase 45 mil estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental da Rede Estadual estavam trabalhando nos seus Trabalhos de Conclusão do Fundamental, que ainda nem são obrigatórios no currículo. “A gente espera que, com isso, eles possam desenvolver o gosto pela pesquisa e pelo planejamento. Além disso, vamos integrar mais os estudantes entre si e com os professores, neste momento de conclusão desta fase escolar”, destacou Ana.

Temas cotidianos dominam trabalhos
As apresentações dos Trabalhos de Conclusão do Fundamental (TCF) da Gerência Regional de Educação (GRE) Metropolitana Norte começaram a ser apresentados na semana passada, e os projetos dos estudantes já são sucesso na região. A marca dos trabalhos dos grupos das escolas General Abreu e Lima, localizada no Centro da cidade homônima, e a Escola Maria Romeiro Estelita, em Ouro Preto, Olinda, foram as escolhas por temas relevantes e cotidianos, como saúde, bullying, violência contra as mulheres, homofobia, analfabetismo, inclusão social, entre outros.

A Escola General Abreu e Lima abriu as portas das apresentações para o público. Eles realizaram as defesas no salão de uma igreja local e convidaram toda a comunidade do entorno. Além dos estudantes de outras turmas, compareceram ao evento cerca de 40 moradores da cidade.

“Foi uma experiência muito rica para todos nós. Os alunos nos surpreenderam pelo grau de dificuldade dos temas e a qualidade deles. Até nós, que compomos o corpo docente, ficamos impressionados, pois foram eles que escolheram os temas, pesquisaram e produziram todo o material. A comunidade interagiu bastante e alguns pais até participaram da confecção dos materiais”, contou o gestor da unidade de ensino, Isaías Júlio de Oliveira.

Já os TCF da Escola Maria Romeiro Estelita foram apresentados por dez equipes na própria unidade de ensino, para o restante do corpo discente e convidados que compuseram a banca de avaliação. “Foi muito boa a experiência. Este é o caminho para que eles comecem a apresentar um trabalho mais próximo dos padrões da ABNT. É como se fosse um preparatório para a universidade. Os estudantes gostaram bastante e alguns dos projetos foram bem elogiados pela banca”, revelou a analista de gestão da unidade de ensino, Rozimar Assis.

Projetos resgatam uso da biblioteca
Esqueça o estereótipo do jovem de hoje em dia, sempre ligado na tela de um computador ou mesmo de um smartphone. Ao menos os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Ginásio de Limoeiro Arthur Correia de Oliveira, localizada Agreste do Estado, tiveram que ir além para realizar os projetos do Trabalho de Conclusão do Fundamental (TCF) deste semestre. As produções foram apresentadas na semana passada e foram avaliadas como de grande importância e bom aproveitamento por parte dos professores envolvidos.
Segundo o professor de História, Márcio José de Oliveira, o TCF gerou uma motivação diferente nos alunos, que perceberam a importância da atividade como uma oportunidade de buscar novos conhecimentos. "Foi importante para eles essa vivência. Eles foram provocados e isso os levou a irem além das salas de aula e da internet. Esse processo também foi importente para a redescoberta da biblioteca", comentou.

A secretária executiva de Desenvolvimento da Educação da Secretaria, Ana Selva, comentou sobre a proposta do projeto. "A proposta do TCF é a de unir todos os envolvidos para trabalharem de forma colaborativa, agregando valor e conhecimento às produções acadêmicas de forma científica". Ana também destacou que a pesquisa é um pilar para a aprendizagem.

Já a gestora da escola, Maria Elizabete, falou sobre os desafios postos com a implantação do TCF na unidade de ensino. "Assim como qualquer novo projeto, as dificuldades existiram, mas logo foram superadas. Essa oportunidade vai fazer com que esses estudantes tenham o novo olhar em relação ao Ensino Médio, encarando o futuro de forma mais tranquila", pontuou.

O estudante Antônio Neto, 14 anos, falou da experiência adquirida neste projeto. "Foi incrível participar deste programa, ainda mais por sermos os pioneiros", disse. Ele e sua equipe apresentaram trabalho com base nos fatos históricos do Holocausto. Na ocasião, o estudante também doou para a biblioteca da escola um exemplar do livro "O Diário de Anne Frank".

Objetivo do Trabalho de Conclusão do Fundamental (TCF)  é despertar nos alunos da rede estadual o interesse pela pesquisa, planejamento e investigação
Objetivo do Trabalho de Conclusão do Fundamental (TCF) é despertar nos alunos da rede estadual o interesse pela pesquisa, planejamento e investigaçãoFoto: Ademar Filho/SEE
Secretária executiva Ana Selva destaca oportunidade para os alunos poderem trabalhar de forma colaborativa
Secretária executiva Ana Selva destaca oportunidade para os alunos poderem trabalhar de forma colaborativaFoto: Ademar Filho/SEE

veja também

comentários

comece o dia bem informado: