Vanessa da mata
Vanessa da mataFoto: Reprodução/instagram

A cantora Vanessa da Mata, 44, protagonizou uma polêmica nesta sexta-feira (22) em suas redes sociais sobre finanças. Segundo ela, todos deveriam guardar 30% do que ganham para evitar dificuldades financeiras: "Nao ha salgadinho, cerveja, churrasco ou o que quer que seja, que possa tirar sua poupança", disse.

"Nos, brasileiros, nao sabemos fazer gestao familiar e agora muitos estao sofrendo, o que seria uma troca maravilhosa de churrasco para dias de tranquilidade", afirmou a artista no Instagram, completando depois que não estava "falando dos miseráveis ou dos que a grana não basta pra nada".

Alguns seguidores ironizaram a afirmação da cantora, falando que se tratava de "gente rica querendo ensinar pobre a viver", enquanto outros levantaram situações hipotéticas de famílias que vivem com um salário mínimo de R$ 1.033, tem três filhos e contas a pagar: "Ops! Já acabou-se o salário!", brincou um.

Leia também:
Maisa atinge maioridade e comemora com palavrões nas redes
Patrícia Pillar diz que há um plano de extermínio contra os artistas e a cultura no Brasil
Rafa Kalimann lança canal no YouTube em parceria com empresa de Felipe Neto 

A cantora respondeu alguns dos comentários dizendo que já foi muito pobre e chegou a passar fome. "Estão querendo jogar para mim a responsabilidade de um país com desigualdade atroz em um post corriqueiro e esses posts acontecem para justamente fazerem as pessoas discutirem a importância de certas coisas".

Nos seus Stories, no entanto, ela se desculpou por ter colocado sua vida pessoal como exemplo para todo mundo. "Cada um tem sua história, sua construção, sua individualidade, e isso muda tudo. Eu gostaria de pedir desculpas. Eu acredito que a gente precisa ter reserva mesmo, mas aqueles que conseguem."

veja também

comentários

comece o dia bem informado: