Elba Ramalho
Elba RamalhoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

Cabe a terças-feiras como esta marcar a despedida do folião de seu Carnaval. Apesar de a natural saudade, pelo fim dos quatro dias de alegria, ser inevitável, o público pernambucano parece não estar disposto a dar espaço para a tristeza. Teve blocos, teve maracatu, teve fantasia e teve povo na rua. No palco do Marco Zero, teve Lenine, teve Alceu Valença e teve Elba Ramalho, com um eletrizante show de 90 minutos sob a forte batida do frevo. As primeiras horas de quarta-feira já começaram e o Orquestrão do Maestro Spok é o responsável por embalar um incansável público, no bairro do Recife. Pelo visto, a despedida vai ser difícil.

Leia também:
Encontro de Bonecos Gigantes de Olinda percorreu as ladeiras da cidade nesta terça-feira (25)
Sobe para 41 o número de pessoas notificadas por furadas de agulhas no Carnaval de Recife e Olinda 

Além dos shows no Marco Zero, esta terça-feira também teve o samba de Belo Xis, no Palco da Moeda, e performances de Johnny Hooker e Liniker, no RecBeat - destaque para a participação de Gaby Amarantos no show do cantor pernambucano. Mais cedo, em Olinda, foi dia de receber os bonecos gigantes. Neste ano, o desfile homenageou as Troças Carnavalescas Mistas Cariri Olindense e John Travolta, e o carnavalesco Marcos Taramps. Ao todo, 80 gigantes saíram do Largo de Guadalupe, em frente à sede do Cariri Olindense. 

Elba Ramalho
Elba RamalhoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
Elba Ramalho
Elba RamalhoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
Elba Ramalho
Elba RamalhoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
Elba Ramalho
Elba RamalhoFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco
Marco Zero, no Recife
Marco Zero, no RecifeFoto: Arthur de Souza/Folha de Pernambuco

veja também

comentários

comece o dia bem informado: