Filme sobre Hebe é um dos concorrentes ao Kikito
Filme sobre Hebe é um dos concorrentes ao KikitoFoto: Divulgação

O Festival de Gramado anunciou, nesta terça (9), os sete longas nacionais que competirão pelo prêmio Kikito na sua próxima edição, assim como os concorrentes nas categorias melhor filme latino-americano e melhor curta gaúcho. O evento, que acontece este ano de 16 a 24 de agosto, perdeu há menos de um mês um de seus curadores, o crítico cinematográfico Rubens Ewald Filho.

Estrelado por Andréa Beltrão, "Hebe - A Estrela do Brasil", que relembra a trajetória da apresentadora, é um dos títulos que dividem o páreo. Além dele, outros destaques são "Veneza", dirigido por Miguel Falabella, sobre uma prostituta que decide levar sua velha cafetina cega à cidade que dá nome ao filme, e "Vou Nadar até Você", drama protagonizado por Bruna Marquezine sobre uma fotógrafa que vai de Santos a Ubatuba a nado à procura do pai.

Leia também:
Documentário de Marcelo Gomes aborda relação entre tempo e trabalho
Flip 2019: produções de não ficção com olhar voltado para a realidade


Fora de competição, quem abre o festival é "Bacurau", da dupla Kléber Mendonça Filho (Aquarius) e Juliano Dorneles. Em maio, o longa ganhou o prêmio do júri em Cannes, o terceiro mais importante do festival francês.

Veja os filmes que estão no páreo da premiação:

Longas Brasileiros:
Hebe - A Estrela do Brasil, de Maurício Farias;
O Homem Cordial, de Iberê Carvalho
Pacarrete, de Allan Deberton, 
Raia 4, de Emiliano Cunha
Veneza, de Miguel Falabella
Vou Nadar até Você, de Klaus Mitteldorf
30 Anos Blues, de Andradina Azevedo 

Longas estrangeiros
A Son of man (Equador), de Jamaicanoproblem
Dos Fridas (México e Costa Rica), de Ishtar Yasin
El Despertar de las Hormigas (Costa Rica), de Antonella Sudasassi Furnis
En el pozo (Uruguai), de Bernardo e Rafael Antonaccio
La forma de las horas (Argentina), de Paula de Luque
Muralla (Bolívia), de Rodrigo Alfredo Alejandro Patiño Sanjines
Perro Bomba (Chile), Juan Caceres

Curtas brasileiros
Teoria sobre um planeta estranho (MG), de Marco Antônio Pereira
A pedra (RS), de Iuli Gerbase
O balido interno (PE), de Eder Deó
Menino pássaro (SP), de Diogo Leite
O véu de Amani (DF), de Renata Diniz
A ética das hienas (PB), de Rodolpho de Barros
A mulher que sou (PR), de Nathália Tereza
Sangro (SP), de Tiago Minamisawa, Bruno H Castro e Guto BR
Um tempo só (SP), de Lane Alves
E o que a gente faz agora? (BA), de Marina Pontes
Marie (PE), de Leo Tabosa
Apneia (PR), de Carol Sakura e Walkir Fernandes
Amor aos vinte anos (SP), de Felipe Arrojo Poroger e Toti Loureiro
Invasão espacial (DF), de Thiago Foresti


veja também

comentários

comece o dia bem informado: