Lucilo Varejão Neto, Presidente da Academia Pernambucana de Letras
Lucilo Varejão Neto, Presidente da Academia Pernambucana de LetrasFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

O novo presidente da Academia Pernambucana de Letras (APL), Lucilo Varejão Neto, tomou posse do cargo na noite desta segunda-feira (27), na sede da Academia, localizada no bairro das Graças, na Zona Norte do Recife.

A posse ocorre no mesmo dia em que a APL completa 119 anos. Além da celebração em sessão solene, houve o lançamento da Revista da Academia (Volume 48) e a premiação dos vencedores do concurso literário do ano de 2019. O evento contou com a presença da vice-governadora do Estado de Pernambuco, Luciana Santos (PCdoB).

Leia também:
Lucilo Varejão Neto toma posse da Academia Pernambucana de Letras (APL)
Lucilo Varejão Neto será o novo presidente da Academia Pernambucana de Letras (APL)

Lucilo Varejão Neto é natural do Recife. Escritor e professor, ele já tem uma história com a instituição como membro da diretoria da última gestão que foi  presidida pela Margarida Cantarelli, que ocupou o cargo por duas gestões consecutivas e ficou marcada por uma grande reforma, que readequou o espaço físico da APL aos dias atuais, assim como também a recuperação da casa e do mobiliário. Outra ações foram realizadas, como a reorganização do museu e uma série de eventos foi programada para trazer o público para dentro da APL. 

Para o novo presidente, que irá governar até janeiro de 2022, com chance de reeleição de dois anos, o desejo é o de manter a casa com as portas abertas. “A Academia é uma casa que tem uma biblioteca com mais de 30 volumes. Há um museu que retrata toda a sociedade do século 19 e da sociedade pernambucana, e também, relíquias que pertenceram aos acadêmicos. Você tem aqui vários espetáculos musicais aos domingos à tarde. Enfim, é uma casa que está abrindo as suas portas ao povo recifense e o meu maior desafio é manter essa casa com as portas abertas, continuar recebendo este povo que tanto prestigia a Academia”, declarou.

Segundo ele, é ainda improvável se haverá uma futura reeleição. "É muito cedo, ainda não comecei o primeiro mandato. Vamos ver como tudo vai transcorrer”, declarou Lucilo.

Margarida Cantarelli, vê com bons olhos o novo presidente. "Eu espero o que ele sempre faz. Trabalhar. Lucilo é muito dedicado. São três gerações dele aqui. O avô, o pai e, agora, ele. A história de vida dele é ligada a essa casa. Então, certamente, o desempenho será o melhor possível".

Representando a Folha de Pernambuco, o diretor de ações corporativas do Grupo EQM, Eduardo Moraes e sua companheira Fernanda Menezes estavam presentes. “Conheço Lucilo há mais de 60 anos, ele é um queridíssimo amigo, um queridíssimo irmão. É um desafio enorme ser um presidente de uma casa que é tradicional em Pernambuco, mas eu tenho certeza que ele vai dar conta do recado como nenhum presidente deu até hoje”, afirmou Eduardo.

Além da posse do novo presidente, foram empossados Luzilá Gonçalves Ferreira (vice-presidente), José Mário Rodrigues (2º vice-presidente) e Lourival Holanda (secretário-geral). Antônio Dirceu Rabelo, Lourdes Maria Sarmento assumem os cargos de 1º secretário, 2º secretário, respectivamente e Anna Maria Ventura assume como tesoureira.

Os ganhadores do concurso literário do ano de 2019 da APL foram presenteados com uma premiação no valor de R$ 2 mil.

Confira os vencedores:
Prêmio Antônio de Brito Alves – Ensaio – (Inédito)
Não houve vencedor.

Prêmio Edmir Rodrigues – Poesia
Vencedor: Bernardo Valois Souto, com a obra “A aridez das horas e outros poemas”

Prêmio Elita Ferreira – Literatura Infanto-juvenil – (Inédito)
Vencedora: Cecília de Moraes Dantas, com a obra "Serafim e o Sol"

Prêmio Leonor Correa – Municípios Pernambucanos – (Publicado)
Vencedores: Arrisson de Souza Ferraz e Luiz Gonzaga Biones Ferraz, com a obra "Cabrobó, cidade pernambucana em conta de chegada"

Prêmio Vânia Souto Carvalho – Ficção – (Inédito)
Vencedor: Fernanda Oliveira Santos, com a obra "Elefantes Dourados"

Prêmio Amaro Quintas - História de Pernambuco - (Inédito)
Vencedor: Carlos Henrique Romeu Cabral, com a obra "Conexão Recife – Paris: transferências artísticas e descentralização da arte moderna brasileira".

Lucilo Varejão Neto, Presidente da Academia Pernambucana de Letras
Lucilo Varejão Neto, Presidente da Academia Pernambucana de LetrasFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Margarida Cantarelli, ex-presidente da APL
Margarida Cantarelli, ex-presidente da APLFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Representando o Grupo EQM, Eduardo Moraes e Fernanda Menezes, com Lucilo Neto
Representando o Grupo EQM, Eduardo Moraes e Fernanda Menezes, com Lucilo NetoFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Luciana Santos, vice-governadora de Pernambuco
Luciana Santos, vice-governadora de PernambucoFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

veja também

comentários

comece o dia bem informado: