Para a professora Deisy Karla de Carvalho, ouvir Sandy e Junior e voltar à infância
Para a professora Deisy Karla de Carvalho, ouvir Sandy e Junior e voltar à infânciaFoto: Léo Malafaia/Folha de Pernambuco

Os corações dos fãs de Sandy e Junior já voltaram a bater em ritmo de "turu turu". Começa nesta sexta-feira (12), em Pernambuco, a turnê "Nossa História", que celebra as três décadas de carreira da dupla. Após 12 anos de espera, o público poderá ver os irmãos reunidos no palco novamente. Com ingressos esgotados, o primeiro de 15 shows ocorre no Classic Hall, a partir das 21h30. Para quem acompanha a trajetória dos artistas desde o início, o momento é de muita expectativa.

A comoção dos fãs começou assim que o reencontro foi anunciado, em março. A notícia fez Deisy Karla de Carvalho, de 35 anos, voltar no tempo. "É como se eu fosse criança de novo. Acho que comecei a ouvir Sandy e Junior com oito anos de idade e não parei mais. Saber que eles estavam de volta me fez reviver a época mais feliz da minha vida", conta a professora, cujas lembranças de vida mais marcantes estão atreladas às músicas da dupla. "Ganhei o primeiro disco deles do meu pai, que já faleceu. Então, isso tudo me faz lembrar muito dele também", revela.

Não há mais ingressos à venda em dez das onze cidades por onde os filhos de Xororó passarão. Centenas de pessoas acampando em filas para adquirir uma entrada: esse foi o cenário que se repetiu em todas as capitais com shows previstos. Vale tudo para estar no mesmo local que os ídolos. A confeiteira Fátima Alencar, 33, passou 17 horas em frente ao Classic Hall para garantir que estaria no show. "É um amor inexplicável. Só quem é fã entende. Mesmo depois de casada e com um filho de dois anos, a paixão por eles só aumenta", diz.

Leia também:
Universal lança box com obra completa de Sandy e Júnior após pedido de fãs da dupla
Sandy e Junior vão gravar DVD no Maracanã para registrar encerramento da turnê
Cantora Iza afirma que ficou na fila para turnê de Sandy e Junior



No caso de Deisy, a saga para conseguir ir à apresentação de hoje foi ainda maior. Mesmo chegando na bilheteria da casa de shows na noite anterior, ela ficou sem ingresso na primeira tentativa. Insistente, a professora criou um grupo no WhatsApp para juntar fãs de todo o Brasil na busca por tickets.

"A gente compartilhava com os outros sempre sabia de alguém que havia conseguido comprar, mas queria revender por algum motivo. Só consegui o meu nesta segunda-feira. Meu objetivo agora é participar da gravação do DVD, em outubro, no Maracanã", adianta.

Exposição

Aumentando ainda mais a ansiedade dos fãs, a produção da turnê "Nossa história" preparou a exposição interativa "Sandy&Junior Experience". Até o dia 16 de julho, o público poderá conferir itens do acervo de peso da dupla, em um espaço montado no terceiro andar do RioMar.

Aproveitando o sentimento de nostalgia despertado com os shows, a mostra reúne lembranças de diversas fases da carreira da dupla, entre figurinos, produtos licenciados, cartas de fãs, disco, fotos e vídeos pessoais. A entrada é gratuita e o horário de visitação é o mesmo do centro de compras: de segunda a sábado, das 9h às 22h, e aos domingos e feriados, do meio-dia às 21h.



Proibições

Quem conseguiu adquirir ingresso para ver Sandy e Junior no Classic Hall precisa ficar atento a alguns detalhes. A produção do show divulgou, na última quarta-feira, uma lista com os itens que não podem ser levados ao local. As proibições incluem cartazes, sempre presentes nas apresentações dos artistas nos anos 2000.

Também estão vetadas mochilas ou bolsas maiores do que 20x30cm, bastões para tirar fotos e câmeras fotográficas ou filmadoras profissionais. Confira a lista completa de objetos proibidos, assim como os horários de entrada do público.

Para a professora Deisy Karla de Carvalho, ouvir Sandy e Junior e voltar à infância
Para a professora Deisy Karla de Carvalho, ouvir Sandy e Junior e voltar à infânciaFoto: Léo Malafaia/Folha de Pernambuco
Turnê de Sandy e Junior é aguardada por fãs de todo o Brasil
Turnê de Sandy e Junior é aguardada por fãs de todo o BrasilFoto: Léo Malafaia/Folha de Pernambuco
Fátima Alencar, confeiteira, passou 17 horas na fila para comprar um ingresso do show de Sandy e Junior
Fátima Alencar, confeiteira, passou 17 horas na fila para comprar um ingresso do show de Sandy e JuniorFoto: Léo Malafaia/Folha de Pernambuco

veja também

comentários

comece o dia bem informado: