Uma Série de Coisas

Fernando Martins

ver colunas anteriores
Série documental "Explicando", da Netflix, traz informação com formato leve e dinâmico
Série documental "Explicando", da Netflix, traz informação com formato leve e dinâmicoFoto: Netflix/Divulgação

Os documentários costumam representar uma determinada visão de mundo, sempre, mas não totalmente baseado na realidade. Mesmo com o número de produções documentais crescendo – foram 60 títulos brasileiros estreantes em 2017 contra 44 em 2016, segundo dados da ANCINE – ainda vejo um pouco de resistência por parte do público no consumo desse formato de conteúdo.

O estilo da narrativa pode causar estranhamento para quem não tem o hábito ou nunca se interessou pelos documentários. Talvez pelo desenvolvimento de um único tema naqueles poucos minutos e não havendo uma continuação que instigue para ver o próximo episódio, como nas séries de TV, os telespectadores acabem não criando vínculo. É nessa questão que “Explicando”, série documental original Netflix, ganha pontos.

Leia também
Recapitulando “Orange Is The New Black”
Quais foram as primeiras séries de TV?
Sexta-feira 13: 'monstros reais' são retratados nas séries

Se documentários atraem pessoas interessadas em determinado assunto, uma série documental pode reunir esse conteúdo e conquistar a atenção para diversas questões sociais em uma única temporada. A proposta de “Explicando”, produção que tem como parceira o site jornalístico Vox, é válida porque além de agrupar informações, faz isso de maneira diferenciada. As narrativas são claras e diretas, com entrevistas de especialistas e professores que não usam termos complicados e de difícil acesso, evitando que quem assista perca o interesse.

O objetivo fica claro desde o título: explicar temas atuais, popularizando o conhecimento. Temas como a indústria do K-pop, o mercado de ações e a polêmica que circula o uso da maconha, são detalhados de vários ângulos e com muita criatividade. Na estreia, foram lançados três episódios juntos. Desde então, toda quarta-feira um episódio é adicionado no catálogo do streaming

O último episódio lançado – o décimo quarto de um total de 20 –, por exemplo, adicionado na última quarta-feira (1), trouxe curiosidades sobre o mundo dos tatuadores. Sabia que os desenhos que são vistos de forma negativa na nossa cultura é considerado uma demonstração de poder e respeito em outros países? Os marinheiros riscavam seus corpos sempre que conquistavam algum feito nas navegações. Essas e outras realidades são analisadas e contextualizadas no programa.

Leia também
Segunda temporada da 'Handmaid's Tale' será exibida em setembro no Brasil
HBO pretende produzir série que antecede Game of Thrones
Downton Abbey será adaptada para o cinema

Com esse formato, “Explicando” dá margem para uma variedade infinita de temas e possibilidades sem que se torne cansativo, uma vez que cada episódio dura no máximo 20 minutos. Pode até ultrapassar as 15 temporadas de “Grey’s Anatomy”, se continuar levantando questões interessantes.

Imparcialidade

Se eu puder definir “Explicando” em uma palavra, escolheria “instrutiva”. A linha da narrativa não te pega pela mão e diz o que você tem que pensar. Ela te dá fatos e quem toma partido ou não é o público. Coloco em destaque os temas “Monogamia” e “Diferença de riquezas entre brancos e negros”. Com esses temas, era de se esperar que os episódios fossem um pouco tendenciosos, seja a favor ou contra a monogamia, seja concordando ou não com a diferença salarial na questão da cor da pele.

Mas o que a série documental faz é um trabalho de apuração e aprofundamento, sem querer provar uma teoria ou justificar possíveis lados da história. Funciona como um menu de restaurante, onde eles apresentam fatos a partir de situações históricas e pesquisas científicas, para te dar a opção de decidir, sozinho, como e quando pensar.



*Fernando começou a assistir a séries de TV e streaming em 2009 e nunca mais parou. Atualmente ele acompanha mais de 200 produções e já assistiu mais de 6 mil episódios. A série mais assistida - a favorita - é 'Grey's Anatomy', à qual ele reassiste com qualquer pessoa que esteja disposta a começar uma maratona. Facebook: Uma Série de Coisas. Instagram: @umaseriedecoisas. Blog: Uma Série de Coisas.

*A Folha de Pernambuco não se responsabiliza pelo conteúdo das colunas.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: