Pep Guardiola, técnico do Manchester City
Pep Guardiola, técnico do Manchester CityFoto: AFP

O Manchester City (ING) foi banido pelas próximas duas temporadas da Champions League por quebrar as regras do fair play financeiro da entidade. A equipe seguirá na disputa da atual edição do torneio.

A Uefa também anunciou que, além do banimento, o clube inglês terá de pagar uma multa de 30 milhões de libras (aproximadamente R$ 168 milhões).

Leia também:
Guardiola admite que pode cair se City perder para o Real
Man City é multado por transferências irregulares de menores

O órgão financeiro da entidade que comanda o futebol europeu alega que o City inflou falsamente suas receitas com patrocínios.

A pena ao clube acontece na esteira de publicação da revista alemã "Der Spiegel", de novembro de 2018, que teve acesso a e-mails e documentos vazados que mostravam que o aporte financeiro ao Manchester City não vinha de seu patrocinador, a Etihad, mas sim do próprio Sheik Mansour bin Zayed, dono do clube.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: