Grupo conseguiu mobilizar um bom número de torcedores acerca de suas pautas
Grupo conseguiu mobilizar um bom número de torcedores acerca de suas pautasFoto: Cortesia/Intervenção Popular Coral

O Santa Cruz não ganhou a fama de "clube do povo" à toa. Basta ver a quantidade e a diversidade de pessoas que lota o Arruda - e até outros estádios - nos momentos mais importantes do clube. No entanto, o Tricolor não é propriamente uma agremiação que tenha participação da massa. Ao menos em decisões políticas. Contudo, esta é uma realidade que pode mudar em breve. Um grupo de tricolores criou um movimento chamado Intervenção Popular Coral, que propõe mudanças para tornar o clube mais democrático e transparente. E vem conseguindo boa adesão.

Leia também:
Santa perto de confirmar empréstimo de Charles ao Londrina
Santa Cruz renova com Danny Morais por mais uma temporada
Artilheiro Pipico renova com o Santa Cruz até 2020
Charles volta ao Santa antes do previsto
Santa fará novos reparos no gramado do Arruda


O movimento foi fundado pelo advogado Jhony Guimarães, que há tempos identificava problemas nos processos políticos do Santa. "Desde as últimas eleições, quando fui advogado da chapa Santa Cruz do Povo, percebi como a eleição era pouco transparente e como o estatuto influenciava a manutenção de poder do clube", alega ele, que começou a elaborar um projeto de reforma do estatuto.

Não demorou para o grupo ganhar força, sobretudo nas redes sociais. "Muita gente pedia impeachment de Tininho (presidente do clube), mas a gente tentou canalizar essa indignação. Não somos um grupo de oposição ou situação", explica. O grupo trabalha com inúmeras pautas. Algumas das ideias mais importantes são democratizar o Conselho Deliberativo e conseguir eleições diretas para presidente do Executivo, com participação de sócios de todas as categorias - atualmente, só as três primeiras categorias de um total de sete têm direito.

O bloco já conseguiu suas primeiras vitórias. "Conseguimos que fosse prorrogado o prazo para entrega do novo estatuto. Foi uma vitória gigantesca", destaca o líder da Intervenção. "Reconhecemos que o Conselho Deliberativo teve uma atitude muito nobre em nos receber (na noite da última terça), admitir a nossa legitimidade e abrir a porta para torcedores comuns. A comissão de reforma do estatuto já vem fazendo um excelente trabalho. Só temos ideias para agregar, sem abrir mão da participação popular", avalia Jhony Guimarães.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: