Trabalhadores com equipamentos de proteção em Caracas, na Venezuela
Trabalhadores com equipamentos de proteção em Caracas, na VenezuelaFoto: Cristian Hernandez/AFP

A Venezuela registrou sua primeira morte pelo novo coronavírus, anunciou o governo de Nicolás Maduro nesta quinta-feira (26). A vítima fatal é um homem de 47 anos do estado de Aragua (norte), que sofria de uma "doença pulmonar", disse o vice-presidente Delcy Rodríguez em um discurso transmitido pela televisão.

O paciente foi internado em uma clínica particular por conta de uma pneumonia e foi diagnosticado com Covid-19 há três dias, segundo Rodríguez. "Tendo uma causa muito séria de comorbidade (quando surgem duas ou mais doenças relacionadas), um histórico de doença nos pulmões, essa pessoa teve complicações e morreu", declarou o vice-presidente.

Leia também:
Brasil soma 2.915 casos e 77 mortes por Covid-19
EUA já têm mais doentes por coronavírus que Itália
OMS Europa vê sinais encorajadores de desaceleração da pandemia na região


Depois de detectar um novo caso em Caracas, o país registra um total de 107 infectados pelo novo coronavírus. Como forma de impedir a propagação da pandemia, o governo venezuelano decretou uma quarentena nacional, suspendendo as atividades profissionais e aulas, bem como os voos nacionais e internacionais, com exceção dos voos de carga.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

veja também

comentários

comece o dia bem informado: