Foram encontrados 432 resultados para "Novembro 2019":

Dentro do tema, o parlamentar abordou exemplos de usinas existentes na Europa, nos Estados Unidos, na Ásia e na Argentina
Dentro do tema, o parlamentar abordou exemplos de usinas existentes na Europa, nos Estados Unidos, na Ásia e na ArgentinaFoto: Divulgação

Neste sábado (30) em Petrolândia, no Sertão Pernambucano, o deputado Alberto Feitosa (SD) falou sobre os resultados positivos da possível instalação da Usina Nuclear em Itacuruba.

Dentro do tema, o parlamentar abordou exemplos de usinas existentes na Europa, nos Estados Unidos, na Ásia e na Argentina. Também falou dos impactos sociais, econômicos e culturais refletidos na vida dos cidadãos brasileiros que se beneficiam do investimento em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro, que, neste ano, foi escolhida como Patrimônio Mundial, Natural e Cultural da UNESCO, bateu o recorde na produção de sardinha do País, além de ser um grande polo turístico nacional.

O evento contou com a participação de dezenas de lideranças da localidade que tiraram suas dúvidas e saíram otimistas com a possibilidade de instalação da Usina. Dentre eles estava o artista, cantor e compositor, Maurillio Lima, que era contra a instalação e que mudou de ideia ao conhecer mais sobre o tema.

"Antes eu não entendia o que é e como funciona uma Usina. Por isso eu tinha muito medo e receio, eu achava que a usina iria acabar com o nosso São Francisco, com os nossos peixes. Mas agora, depois de ver a apresentação do deputado eu pude esclarecer minhas dúvidas e vi que não traz morte e sim, oportunidade de emprego e desenvolvimento. A primeira coisa que vou fazer quando chegar em casa é contar aos meus parentes e amigos sobre esse grande investimento que vai ajudar bastante o nosso sertão!", afirmou.

O deputado Alberto Feitosa falou da importância e da oportunidade de esclarecer mais sobre o tema, bem como, se colocou a disposição para realizar mais vezes esse tipo de evento.

"Quando esclarecemos o assunto, mostrando exemplos, a população se mostra receptiva a possibilidade de instalação de uma Usina Nuclear. Isso mostra que a negação vem pela falta de conhecimento do tema por algumas pessoas, e dizer não a um investimento de tamanha capacidade de transformação positiva na vida dos cidadãos, principalmente uma população tão sofrida como os sertanejos, é negar a melhoria de vida de milhares de pessoas. Dizer não a Usina é dizer não a vida", afirmou Feitosa.

Governo do Estado, prefeitura e empresas parceiras oferecem mais de cem serviços importantes e gratuitos para a população
Governo do Estado, prefeitura e empresas parceiras oferecem mais de cem serviços importantes e gratuitos para a populaçãoFoto: Divulgação

O município de Camaragibe recebeu mais uma edição do Governo Presente, neste sábado (30), na Escola Escola Municipal Santa Teresa, no Timbi. A prefeita Nadegi Queiroz solicitou ao secretário estadual de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides, que atendeu ao pleito da gestora. O secretário Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação Aluísio Lessa também participou da ação.

Na ocasião, foi realizada uma série de atendimentos médicos, emitir documentos e, dentre tantas ações, consultar a Defensoria Pública do Estado.

"Camaragibe tem se notabilizado em prevenção e cuidados com a saúde da população. Dá gosto de ver que que o município está no certo sob a gestão da prefeita Nadegi e com o apoio do Governador Paulo Câmara. É com a união que estamos fazendo a diferença", disse.

Secretário de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides; a prefeita de Camaragibe, Nadegi Queiroz; e o Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa

Secretário de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides; a prefeita de Camaragibe, Nadegi Queiroz; e o Secretário de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa - Crédito: Divulgação


Petrobras
PetrobrasFoto: Agência Petrobras/Geraldo Falcão

Diante dos questionamentos sobre a Lei Complementar n° 414/2019, de 27 de novembro de 2019, o Governo do Estado esclarece que:

Desde o ano de 2007, a operação interestadual de fornecimento do gás natural vem causando controvérsias no âmbito do Estado de Pernambuco, acarretando litígios entre o Estado e a Petrobras, empresa produtora do gás natural que no Estado é distribuído pela Copergás.

Até aquele ano, a Petrobras considerava que a venda do gás natural teria duas etapas: uma de remessa do gás do Estado de origem ao ponto de entrega (city gate), situado no Estado de Pernambuco (operação interestadual a preço de custo); e outra de venda do gás natural à Copergás (operação interna com preço final de venda).

Porém, desde meados de 2007, a Petrobras alterou nacionalmente a forma de emissão dos documentos fiscais relativos à comercialização do gás natural, passando a emitir tão somente uma nota fiscal de venda direta do Estado de origem às distribuidoras locais.

A partir daí, surgiu uma celeuma expressiva entre a administração tributária do Estado de Pernambuco e a Petrobras, e desde então, o Estado vem lavrando autos de infração fundados na interpretação de que a passagem do gás natural no city gate caracteriza fato gerador do ICMS, exigindo emissão da nota fiscal respectiva. Durante esse período, superior a 12 anos, o Estado de Pernambuco não recebeu qualquer valor da empresa a título de ICMS sobre tais operações com gás natural, uma vez que, não reconhecendo a tributação, a Petrobras passou a questionar judicialmente o imposto que o Estado considerava devido.

Por outro lado, esclarece-se que nenhum outro Estado da Federação acompanhou a interpretação defendida por Pernambuco. Os Estados produtores, por exemplo, adotam a tese contrária. O cenário atual, portanto, é de manutenção de litígio complexo, com perspectiva de se alongar por vários anos, em várias instâncias, sem recebimento do tributo e sem apoio dos demais Estados da Federação.

Nesse contexto, o Conselho Nacional de Política Fazendária aprovou recentemente o Convênio ICMS nº 190/2019, de 16 de outubro de 2019, que acrescentou as operações com gás natural ao escopo do Convênio ICMS n° 07/2019. De pronto, o Estado de Pernambuco visualizou a possibilidade de pôr fim, definitivamente, aos litígios que tratam da matéria.

Assim, a Lei Complementar n° 414/2019, de 27 de novembro de 2019, foi editada para adequar a legislação estadual à autorização contida no Convênio ICMS nº 190/2019, permitindo que a Petrobras reconheça os débitos fiscais constituídos e realize o pagamento destes, com remissão parcial dos valores sob litígio. Ressalte-se que a renúncia fiscal estimada em função da remissão legal dos créditos foi devidamente exposta em anexo à lei complementar, cumprindo o que determina a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Dessa forma, tem-se que a lei em tela é vantajosa e atende aos interesses do Estado de Pernambuco, na medida em que disciplina a matéria de forma mais objetiva, solucionando incertezas quanto à tributação das operações futuras de fornecimento de gás natural, bem como permite a resolução dos litígios de forma consensual.

A medida não trará prejuízo à arrecadação ou impacto orçamentário, uma vez que o Estado de Pernambuco não recebeu qualquer valor de ICMS sobre tais operações ao longo dos últimos 12 anos. Com as mudanças do Marco Regulatório do Mercado de Gás Natural, promovidas pelo Governo Federal a partir de 2016, e a venda da Transportadora Associada de Gás (TAG), em 2019, o Governo de Pernambuco deixou de ter perspectivas sobre a cobrança do ICMS nas operações do city gate. Não cabe, então, a afirmação de que o Estado abdicará de receita de ICMS nessas operações, no montante de R$ 80 milhões, a partir de 2020.

Nesse contexto, a negociação promovida pelo Estado de Pernambuco sempre se pautou em assegurar o ICMS originário, no valor R$ 336 milhões. O pagamento de R$ 440 milhões, portanto, supera em mais de R$ 100 milhões a possibilidade de recolhimento do ICMS originário das operações, embutido nos autos de infração. O Estado adota uma postura estratégica e em conformidade com o que preconizam órgãos como o CNJ, propiciando condições para aproveitar a oportunidade de uma solução consensual para a disputa.

O plano é voltado para fomentar a cadeia da ovinocaprinocultura nas cidades de Petrolina, Afrânio e Dormentes
O plano é voltado para fomentar a cadeia da ovinocaprinocultura nas cidades de Petrolina, Afrânio e DormentesFoto: Emerson Leite

O deputado estadual Antonio Coelho (DEM) participou, nesta sexta-feira (29), do lançamento do Plano de Ação Territorial da Ovinocaprinocultura, em Afrânio, no Sertão do São Francisco. O evento foi promovido pelo Banco do Nordeste (BNB) e reuniu produtores rurais de toda a região. O plano é voltado para fomentar a cadeia da ovinocaprinocultura nas cidades de Petrolina, Afrânio e Dormentes.

“Muito gratificante acompanhar mais uma iniciativa para o desenvolvimento do Sertão. O plano lançado pelo BNB ajudará muito os produtores da região, que contarão com recursos para garantir a produção e a competitividade do setor. Isso nos motiva a cada vez mais trabalhar para que iniciativas como essas se repitam para outros segmentos e assim garantir mais emprego e renda para a nossa população”, destacou Antonio Coelho.

O site já está no ar para quem quiser se inscrever e participar de iniciativas voluntárias no município
O site já está no ar para quem quiser se inscrever e participar de iniciativas voluntárias no municípioFoto: Janaina Pepeu

Representantes de entidades, ONG’s, empresas, igrejas, organizações da sociedade civil, estiveram presentes nesta sexta-feira (29) na inauguração da sede do Transforma Caruaru, uma plataforma digital que chega ao município para revolucionar no quesito voluntariado. A ferramenta de grande destaque nacional faz parte da plataforma original “Transforma Brasil”, que, assim como Caruaru, está presente em capitais e grandes cidades brasileiras nas plataformas locais.

A Prefeitura de Caruaru entrou como parceira do projeto no município. O link para quem quiser se cadastrar - seja pessoa física, jurídica, entidades, projetos sociais, etc. – já está disponível através do transformacaruaru.com.br.

O Transforma Brasil foi criado em São Paulo pelo empreendedor social pernambucano Fábio Silva, em 2018, para desenvolver iniciativas sociais no Brasil. Em Caruaru, o espaço físico passa a funcionar na Avenida José Rodrigues de Jesus, s/nº, no Bairro Indianópolis, no mesmo local da Sementeira Chico Mendes, do Parque Municipal Ambientalista Severino Montenegro. A estrutura conta com três salas que irão servir para reuniões, treinamento e escritório.

“O Transforma Caruaru vai conectar necessidade com generosidade, ou seja, a gente vai fazer uma cidade mais justa e fraterna a partir da conexão das pessoas que querem ajudar com as iniciativas que precisam de ajuda”, explicou Fábio Silva, que esteve presente na inauguração. “É importante convidar as igrejas, as universidades, as empresas que têm atividade de responsabilidade social, ou mesmo a própria Prefeitura de Caruaru, que também pode ofertar vagas do poder público para as pessoas serem voluntárias, e convidar todo cidadão da cidade para fazer o bem junto com o Transforma. Quem vai transformar Caruaru são as pessoas que querem fazer o bem”, complementou.

“Hoje é um dia especial para Caruaru com o lançamento da plataforma Transforma Caruaru para engajar o movimento de voluntariado na nossa cidade. Tem muita gente boa fazendo muita coisa na nossa cidade que precisa de ajuda nas mais diversas áreas. Essa é a energia da mudança, que a gente quer poder contaminar Caruaru inteira”, destacou a prefeita Raquel Lyra.

Sobre Fábio Silva

É empreendedor social, formado em Administração de Empresas, com MBA em Gestão. Fundou em 2016 a primeira incubadora de projetos sociais do País – Porto Social, que beneficia 50 projetos sociais por ano e oferece capacitação para profissionalizar a gestão das organizações. Em 2014 foi capacitado pelo Departamento de Estado Americano, quando líderes sociais de vários países em desenvolvimento passaram 40 dias nos Estados Unidos conhecendo os programas da Agência Nacional de Voluntariado.

Fábio descobriu sua vocação para a carreira, que ainda não é reconhecida no Brasil, em 2010, ao criar a ONG Novo Jeito, especializada em mobilizações sociais. Em oito anos de atuação, a ONG já mobilizou mais de cem mil pessoas em ações voltadas para grandes emergências (incêndios e enchentes) e em prol de causas específicas (reformas de abrigos de idosos e hospitais, manifestações em prol do “amor”). Em 2017, foi recebido pelo Papa Francisco devido às iniciativas que criou no Brasil.

Óleo no litoral
Óleo no litoralFoto: Léo Malafaia/Folhape

Solicitada à Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Pernambuco pelo Movimento dos Pescadores e Pescadoras Artesanais de Pernambuco (MPP-PE) e pela Articulação Nacional das Pescadoras de Pernambuco (ANP-PE) será realizada a audiência pública sobre “O impacto do derramamento de petróleo no meio ambiente, saúde e na economia dos Pescadores e Pescadoras Artesanais de Pernambuco”. O encontro está marcado para o dia 03 de dezembro, a partir das 9h, na Alepe.

Participam do evento pescadores artesanais das comunidades atingidas diretamente e indiretamente com o derramamento de petróleo, no Estado. Também marcam presença pesquisadores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e da Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz), além de representantes da Defensoria Pública da União no Recife (DPU), do Ibama-PE, da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco (SEMAS-PE), entre outras entidades.

AÇÕES – Na audiência, o MPP-PE, a ANP-PE e os parlamentares vão debater sobre ações concretas do Governo do Estado, na solução à grave crise enfrentada pelos pescadores artesanais em Pernambuco. Há três meses, a categoria está com suas atividades paralisadas em grande parte dos municípios e comunidades pesqueiras atingidas pelo desastre ambiental.

Devido ao vazamento de óleo no litoral nordestino, os pescadores artesanais perderam sua fonte de renda com a queda nas vendas de peixes, mariscos e caranguejos, por conta do risco de contaminação, mesmo em praias e localidades que não foram atingidas.

PESCADORES - Pertencentes a uma das culturas tradicionais mais importantes do Brasil, os pescadores artesanais são responsáveis por mais da metade da produção de pescados para consumo humano, empregando vinte e cinco vezes mais trabalhadores e trabalhadoras do que a pesca industrial. No Brasil, existem mais de um milhão de pessoas credenciadas no Registro Geral de Atividade Pesqueira (RGP). Em Pernambuco, são aproximadamente 30 mil pescadores dos quais apenas 8 mil são registrados oficialmente.

Serviço:

Audiência Pública: “O impacto do derramamento de petróleo no meio ambiente, saúde e na economia dos Pescadores e Pescadoras Artesanais de Pernambuco”.

Onde: - Auditório Sérgio Guerra - Assembleia Legislativa de Pernambuco - ALEPE
Quando: Dia 03 de dezembro
Horário: às 9h

Diversas rodas de conversas com as usuárias do Programa Academia da Cidade estão acontecendo até o dia 10 de dezembro
Diversas rodas de conversas com as usuárias do Programa Academia da Cidade estão acontecendo até o dia 10 de dezembroFoto: Inaldo Lins/ PCR

Para marcar os 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher, a Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife está promovendo diversas rodas de conversas com as usuárias do Programa Academia da Cidade até o dia 10 de dezembro.

As ações desenvolvidas pela Coordenação da Política de Saúde da Mulher em parceria com a Secretaria da Mulher e a 1ª Vara de Violência Doméstica de Pernambuco estão percorrendo os oito Distritos Sanitários do município, conscientizando as cidadãs recifenses sobre seus direitos, alertando-as a respeito dos sinais de violência de gênero e divulgando os serviços que a rede municipal oferece para as vítimas.

Para finalizar os 16 dias de programação, será realizado o 2º Seminário Justiça e Saúde no Enfrentamento à Violência contra a Mulher, no dia 11 de dezembro, das 8h às 17h, na Escola Superior da Magistratura de Pernambuco (Esmape), na Ilha de Joana Bezerra.

Com o tema “Repercussões da violência da saúde da mulher: o papel da rede”, o seminário será direcionado aos profissionais da Atenção Primária à Saúde, do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf), da Saúde Mental e colaboradores das maternidades que lidam com acolhimento às mulheres vítimas de violência, funcionários da Justiça e do Ministério Público, além de estudantes e sociedade civil em geral. A integração das áreas tem como objetivo oferecer uma melhor compreensão da rede e dos fluxos para dar uma assistência completa à mulher em situação de risco.

CENTRO SONY SANTOS - Entre os equipamentos da Prefeitura do Recife voltado às mulheres está o Centro de Atenção à Mulher Vítima de Violência Sony Santos, da Secretaria de Saúde do Recife. Inaugurado em julho de 2016 no Hospital da Mulher do Recife, no Curado, o espaço oferece à vítima de agressão uma linha completa de cuidados, com atendimento de uma equipe multiprofissional formada por médico, enfermeiro, psicólogo e assistente social. Desde a sua abertura, o Sony Santos já atendeu cerca de 900 mulheres, realizando mais de dois mil atendimentos.

No atendimento tradicional, a mulher vítima de violência busca uma unidade de saúde para atendimento médico, se dirige até a delegacia para registrar a ocorrência e, em seguida, vai faz o exame de corpo de delito no Instituto de Medicina Legal (IML). Neste caminho, muitas acabam desistindo da denúncia, seja por constrangimento em precisar contar a mesma história várias vezes, exaustão após um trauma intenso ou até mesmo falta de recursos financeiros para os deslocamentos. O resultado é a subnotificação das agressões, o que leva à impunidade e perpetua a violência contra a mulher.

Já no Sony Santos, a mulher tem à disposição, num só lugar, o atendimento médico e psicológico, o registro policial, se ela desejar, e a perícia do legista, caso necessário. Isso faz do Sony Santos um modelo único no País, onde a mulher vítima de violência consegue, em um único espaço, receber o atendimento de saúde, formalizar a denúncia e fazer a perícia do IML.

O Sony Santos funciona 24 horas por dia e está disponível por livre demanda para todas as mulheres do Estado, a partir dos 10 anos de idade. Essa integração entre os serviços é resultado de uma parceria entre a Prefeitura do Recife e o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Defesa Social.

Confira a programação da Sesau nos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra a Mulher:

03/12:
17h - Roda de conversa - Academia da Cidade – Polo Buriti - Av. Norte - Macaxeira (na altura da Rua Ana)

04/12:
6h - Roda de conversa - Academia da Cidade - Polo Boa Viagem - Av. Boa Viagem, S/N, 2° Jardim de Boa Viagem

05/12:
6h - Roda de conversa -| Academia da Cidade – Polo 13 de Maio - Parque Treze de Maio, Santo Amaro

10/12:
6h - Roda de conversa - Academia da Cidade – Polo San Martin – Pátio de Eventos Noel Rodrigues - Av. General San Martin, San Martin

11/12:
8h às 17h - 2º Seminário Justiça e Saúde no enfrentamento à violência contra a mulher - Escola Superior da Magistratura de Pernambuco - Rua Desembargador Otílio Neiva Coêlho, S/N - Ilha de Joana Bezerra

O Programa Desenvolve.AI!, executado pela Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado
O Programa Desenvolve.AI!, executado pela Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do EstadoFoto: Marlom Diego

As empresas instaladas em Pernambuco terão uma oportunidade única de receber em seu negócio um time de especialistas em tecnologia e inovação, com a missão de ajudar a resolver antigos desafios e aumentar a sua competitividade no mercado. É com este objetivo que nasce o Programa Desenvolve.AI!, executado pela Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado.

Em parceria com especialistas do Núcleo de Gestão do Porto Digital (NGPD), Softex e diversos outros atores do setor, será realizada uma imersão nas corporações, analisando sua cadeia produtiva e identificando desafios. Também devem promover pontes com as empresas de tecnologia, grupos de pesquisa e startups para que estas proponham soluções.

Para a execução deste ciclo, a AD Diper investirá R$ 1 milhão na contratação de ações de diagnóstico e apontamentos de possíveis soluções para a iniciativa privada, por meio de um corpo técnico multidisciplinar e de consultores especializados. Todo estudo será realizado por meio da equipe do Núcleo de Gestão do Porto Digital (NGPD).

A intenção é que, para cada R$ 1 investido pela agência, seja alavancado, no mínimo, R$ 3 em soluções inovadoras. Tudo por meio dos contratos junto aos centros de pesquisa, para o desenvolvimento de produtos tecnológicos. Isso ajudará tanto as empresas do estado na habilitação e transformação digital de seus negócios, como fomentará e dará sustentabilidade para uma série de novas empresas. Além disso, o programa chega para contribuir para a melhoria, a diversidade e o fomento de novas soluções disponibilizadas pelos diversos atores que compõem o setor de inovação em Pernambuco.

O Desenvolve.AI! complementa o esforço iniciado pelo Inovar-PE, em prol da inovação no estado de Pernambuco. O fundo, criado em 2014, exige uma contrapartida sobre uma fração (0,1% a 0,5%) dos incentivos fiscais concedidos através do PRODEPE, do PROIND e do PRODEAUTO para que sejam investidas em iniciativas de P&D&I (pesquisa, desenvolvimento e inovação). Entre os exemplos, estariam o aparelhamento de laboratórios, contratação de mestres e doutores, financiamento de grupos de pesquisa, desenvolvimento e customização de encomendas tecnológicas, entre outras iniciativas.

O presidente da AD Diper, Roberto Abreu e Lima, reforça a importância de se abrir caminho para um movimento de industrialização 4.0. “O programa desenvolverá tanto as empresas na habilitação e na transformação digital para a oxigenação dos seus negócios, como fomentará e trará oportunidades para uma série de empresas tecnológicas, povoando qualitativamente o ecossistema de inovação em Pernambuco”, comemora.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, o governo trabalha o conceito de "Inovação Objetiva", focando em soluções que tragam resultados práticos, conectados com as necessidades do mundo real. "O Governo de Pernambuco, mais uma vez, sai na frente em busca do fortalecimento da economia do nosso estado. O Desenvolve.AI! chega para apresentar ferramentas tecnológicas voltadas para a competitividade da nossa indústria e assim ajudar seus setores na transição para uma cultura de inovação em tempos de transformação digital".
SAIBA MAIS

O Desenvolve.AI! será dividido em duas etapas: na primeira fase, serão identificadas as empresas dispostas a aderir ao programa para, em seguida, ajudá-las a entender onde estão seus desafios e os possíveis pontos de entrada para as melhorias.

Em paralelo, serão mapeadas as soluções existentes ou em desenvolvimento dentro das startups, grupos de pesquisa e empresas tecnológicas, em conjunto com os Institutos de Ciência e Tecnologia – ICTs que tiverem a estrutura de laboratório e equipe de mentoria mais adequadas para a criação, desenvolvimento e customização dessas encomendas.

A segunda fase consiste na contratação e validação da encomenda tecnológica junto ao Inovar-PE, para só então haver a contratação para o desenvolvimento de um MVP (sigla em inglês que quer dizer “Produto Minimamente Viável”), onde a empresa contratante poderá testar e confirmar a serventia para o melhoramento do seu processo, produto ou pesquisa.

Após a seleção desses pré-produtos escolhidos, as empresas investirão o restante da sua contrapartida em pesquisa e desenvolvimento, conforme preconiza a legislação do Inovar-PE.

Em parceria com especialistas do Núcleo de Gestão do Porto Digital (NGPD), Softex e diversos outros atores do setor, será realizada uma imersão nas corporações

Em parceria com especialistas do Núcleo de Gestão do Porto Digital (NGPD), Softex e diversos outros atores do setor, será realizada uma imersão nas corporações - Crédito: Marlom Diego

Os novos veículos irão contribuir para o fortalecimento da segurança no município
Os novos veículos irão contribuir para o fortalecimento da segurança no municípioFoto: Divulgação

Os novos veículos irão contribuir para o fortalecimento da segurança no município
A prefeita de Camaragibe, Doutora Nadegi, assinou, na tarde desta sexta-feira (29), no comando da Guarda Municipal, bairro de Jardim Primavera, um termo de adesão com o Governo Federal para recebimento de oito novas viaturas que vão reforçar a corporação no fortalecimento da segurança no município.

Atualmente, a frota da Guarda Municipal conta com dez carros e um ônibus. A chegada dos novos equipamentos deve auxiliar a equipe nas ações de resguarde de parques, praças, unidades de saúde e educação; além de regiões muito visitadas para descanso, como Aldeia.

"Fico muito feliz em poder assinar esse termo tão importante para o nosso município e para os nossos munícipes. Com essa iniciativa do Governo Federal, teremos mais corpo efetivo e equipamentos nas ruas cuidando da nossa segurança", lembrou Nadegi.

Os veículos serão doados pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública. “Nosso empenho em inserir Camaragibe no programa teve início há um mês; e hoje estamos aqui celebrando essa conquista para os nossos munícipes", comemorou o secretária de Segurança Pública, Coronel Reimine.

Doação

Outra iniciativa que emocionou a todos os presentes foi a doação voluntária do balcão da recepção da Guarda, realizada pelo servidor Jesiel Nieremberg. "O que eu quero com essa atitude é mostrar às pessoas que, se cada um fizer um pouco mais, é possível transformar Camaragibe em um lugar muito melhor. Como guarda municipal, espero que a minha atitude inspire mais pessoas a desenvolverem seus potenciais, tanto no trabalho quanto na vida pessoal", salientou Jesiel.

"O que acabamos de presenciar foi um ato de coração de um guarda que conseguiu mostrar na atitude o que eu espero das pessoas, que é ter responsabilidade afetiva com os outros", declarou a Doutora Nadegi.

André Ferreira esteve com prefeito de Camocim de São Félix, Giorgio de Neno
André Ferreira esteve com prefeito de Camocim de São Félix, Giorgio de NenoFoto: Divulgação

André Ferreira fecha parceria com Giorgio de Neno, prefeito de Camocim de São Félix
Presidente estadual do PSC, o deputado federal André Ferreira fechou parceria com o prefeito de Camocim de São Félix, Giorgio de Neno, que beneficiará o município do Agreste do Estado. Há pouco mais de dois meses, os dois se encontraram em Brasília e afinaram a aliança.

Na sexta-feira passada (22), André Ferreira passou por Camocim, almoçou com Giorgio, juntamente com o prefeito de São Joaquim do Monte, e ouviu do prefeito as prioridades para o município. Neste sábado (30), o deputado federal retorna a Camocim para uma nova rodada de conversas.

“Giorgio é jovem e tem um futuro promissor na política. Sua gestão tem transformado Camocim de São Félix. A aprovação popular mostra isso. Tenho certeza que esse projeto terá continuidade a partir de 2021”, afirmou André Ferreira, que acompanhará a caravana do Projeto Libertador neste sábado, no município.

assuntos

comece o dia bem informado: