Foram encontrados 311 resultados para "Março 2017":

Beneficiários do Bolsa Família em Petrolina, no Sertão, vão contar, a partir desta sexta-feira (24), de um novo centro para atender as demandas dos mais de 30 inscritos no programa. O prefeito Miguel Coelho (PSB) inaugura o equipamento, chamado de Casa Bolsa, às 10h, em solenidade a ser realizada na Avenida Tancredo Neves, no Centro da cidade.

Atualmente, o atendimento do Bolsa Família é feito na sede da Secretaria de Desenvolvimento Social do município. Com o novo centro, a estrutura e funcionários do antigo equipamento destinados a este serviço social serão realocados para a Casa Bolsa.

A nova estrutura é situada próxima a bancos, fórum, cartórios, cinema e lojas, e contará com um ambiente climatizado, brinquedoteca, mobília e equipamentos para assegurar o bem estar das pessoas durante o tempo de espera.

O horário de funcionamento aos beneficiários do programa Bolsa Família no novo equipamento será das 8h às 13h. A Prefeitura, no entanto, planeja estender o serviço no local para o horário da tarde.

Deputado estadual Tony Gel (PMDB)
Deputado estadual Tony Gel (PMDB)Foto: Divulgação

No Pequeno Expediente desta quinta-feira (23), o deputado estadual Tony Gel (PMDB) anunciou que Caruaru, no Agreste, já começou a ser abastecida pelas águas da Adutora do Pirangi. A obra deve beneficiar 800 mil pessoas da região. Na ocasião, o peemedebista também agradeceu a iniciativa.

“Foi uma atitude certa, executada na hora certa. A água já está na Adutora do Prata, e Caruaru já começou a sentir os efeitos”, afirmou. Com testes iniciados pela Compesa em fevereiro, o Sistema Pirangi capta água do rio de mesmo nome, em Catende, na Mata Sul, transportando-a por meio da adutora até a Barragem do Prata, em Bonito.

Tony Gel destacou ainda que, na quarta (22), foi comemorado o Dia Mundial da Água. “É uma boa notícia para se dar nesse período. Ainda mais, com a situação de estiagem que estamos vivenciando no Estado. Já chegamos ao sexto ano de chuvas irregulares”, completou.

A informação da chegada das águas do Rio Pirangi foi dada ao deputado Tony Gel, pelo presidente da Compesa, Roberto Tavares, durante encontro na manhã desta quinta-feira.

Governador Paulo Câmara cobra mais diálogo sobre a reforma da Previdência
Governador Paulo Câmara cobra mais diálogo sobre a reforma da PrevidênciaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Carol Brito
Da Folha de Pernambuco 

O governador Paulo Câmara (PSB) afirmou que não vai se abster do debate sobre a reforma da previdência, caso a competência sobre o tema seja repassada para os Estados. Segundo ele, é preciso saber o conteúdo do projeto final que passará pelo crivo do Congresso Nacional e criticou a falta de diálogo sobre o tema.

"Caso o Congresso Nacional decida repassar algumas atribuições para os Estados, eu não vou me abster de discutir a previdência e as possibilidades de melhorá-la, fazendo o que é importante e atendendo às necessidades dos trabalhadores. Agora, é preciso saber o que vai vir para os Estados", afirmou.

Caso o debate chegue ao Estado, o chefe do Executivo estadual disse que conduzirá as alterações com "diálogo" com os servidores estaduais.

Segundo Paulo Câmara, faltou atitude por parte do Governo Federal para chamar os governadores para discutir o tema. "Faltou debate desde o início. É um debate que precisa ser feito. Disseram isso ia acontecer por meio do Congresso Nacional, mas não aconteceu até agora", criticou.

Raquel Lyra disse a Joselito Kherle do Amaral que redução de violência é urgente
Raquel Lyra disse a Joselito Kherle do Amaral que redução de violência é urgenteFoto: Arnaldo Félix/Divulgação

Enfrentando um alto índice de violência no município, a prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB) se reuniu na manhã desta quinta-feira (23) com o chefe da Polícia Civil de Pernambuco, o delegado Joselito Kherle do Amaral para tratar da segurança em Caruaru e da prioridade nas investigações dos homicídios na cidade. A reunião ocorre após um o triplo homicídio ocorrido na área rural de Caruaru, ocorrido na terça-feira (21).

No encontro, prefeita Raquel Lyra externou a Joselito a necessidade de diminuir com urgência a violência no município.

“Conversamos aqui sobre a violência que vem assustando o povo de Caruaru e estratégias para diminuir esse quadro na cidade. Venho cobrando ao Governo do Estado medidas emergências, pois a sociedade não pode mais esperar”, disse a prefeita.

Após ouvir a tucana, o chefe de polícia prometeu que voltará ao município, em alguns dias, para avaliar o cenário e adotar mudanças para que a Polícia Civil possa dar o retorno que os moradores de Caruaru precisam.

“Vim aqui representando o secretário de Defesa Social Ângelo Gioia para tratar de pontos sobre a segurança pública em Caruaru. Esse é o início de uma relação institucional entre a Polícia Civil e o município”, falou Joselito, que tomou posse como novo chefe da Polícia Civil de Pernambuco em 27 de fevereiro passado.

Deputado federal Tadeu Alencar (PSB-PE)
Deputado federal Tadeu Alencar (PSB-PE)Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

A tramitação a jato do projeto de terceirização na Câmara Federal impediu alguns deputados federais de estarem presentes na votação. Apesar de a matéria estar parada na Casa desde 2002, a inclusão na pauta foi feita nesta semana, sem prévio aviso de que a matéria iria ao plenário. Essa velocidade levou, por exemplo, o deputado federal Tadeu Alencar (PSB-PE) a estar ausente da votação.

Ele teve que deixar a Casa antes do horário da votação para embarcar para a Cidade do México, onde participará de reunião do Parlamento Latino Americano y Caribenho, colegiado do qual é membro.

Ainda assim, Tadeu Alencar fez questão de externar a sua posição contrária à proposta aprovada na Câmara. Ele lembrou que proposta de teor similar já havia sido aprovada pela Câmara dos Deputados. E, naquela ocasião, ele se colocou contra a orientação favorável do PSB e votou contra a matéria.

Leia a íntegra da Nota de Tadeu Alencar:

A Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de terceirização - PL 4302/98 - na noite de ontem, projeto que chega a ser pior do que a versão aprovada anteriormente pela Câmara, o PL 4330/2004, aprovado em 08.04.2015, pelos evidentes riscos, em ambos os casos, de precarização das relações de trabalho.

Naquela ocasião a orientação do PSB, lamentavelmente, como agora, foi favorável, mas votei contra a terceirização, por entender que, embora cabível em algumas atividades, como em certas áreas da saúde e na de Tecnologia da Informação - TI, deve ser vista sempre como um regime a ser pontualmente aplicável, até que se possa ir ampliando nas atividades que, comprovadamente, sejam admissíveis e recomendáveis. Não com a amplitude gravosa com que ontem (quarta-feira, 22) se aprovou.

Como essa discussão não foi pautada com a devida antecedência e como membro do Parlamento Latino Americano y Caribenho, havia sido designado anteriormente pelo Presidente da Casa, para compor missão oficial na Cidade do México, nos dias 23, 24 e 25 de março - onde ora me encontro - e tive que me ausentar, infelizmente, antes do horário da votação. Acaso tivesse sido possível votar, por evidente, repetiria, e até com maior razão, a minha posição no PL 4330/2004.

Paulo Câmara
Paulo CâmaraFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

Carol Brito
Da  Folha de Pernambuco

Em busca de viabilizar sua reeleição, o governador Paulo Câmara (PSB) se mostrou aberto para debater alianças no próximo pleito estadual. Apesar de ponderar que o assunto só será debatido no próximo ano, no período eleitoral, o gestor afirmou, nesta quinta-feira (23), que está de portas abertas para o diálogo com os partidos que estiverem dispostos a ajudá-lo e tiverem afinidade de pensamento com o projeto da Frente Popular por Pernambuco.

A resposta foi dada quando o gestor foi questionado sobre a volta da aliança com o PT. O socialista disse que os partidos "sempre estiveram juntos", mas mostraram dissidências que os afastaram a partir das críticas do ex-governador Eduardo Campos ao Governo Dilma.

"Eu não fecho portas com que a gente puder conversar. Em 2018, vamos conversar com quem estiver aberto a conversar conosco. Mas é um assunto que só vamos debater em 2018", afirmou, em entrevista à uma rádio local em Serra Talhada, nesta quinta-feira (23) pela manhã.

O gestor foi questionado também se acredita na volta de uma aliança com DEM e PSDB, mas repetiu o mesmo mote de somente tratar de eleições no ano que vem.

O governador Paulo Câmara também cumpre agenda em Afogados da Ingazeira, nesta quinta.

Wanderson e Eriberto foram escolhidos pelo prefeito Geraldo Julio
Wanderson e Eriberto foram escolhidos pelo prefeito Geraldo JulioFoto: Divulgação

Os vereadores Eriberto Rafael (PTC) e Wanderson Florêncio (PSC) foram anunciados como vice-líderes do Governo na Câmara. Os dois vão auxiliar a líder do grupo, Aline Mariano (PMDB), na defesa dos projetos do Governo que tramitarão na Casa. As escolhas foram feitas pelo prefeito Geraldo Julio (PSB).

"Ser vice-líder do governo Geraldo Julio é motivo de muita honra e responsabilidade. Trabalharemos diurnamente para corresponder à confiança da gestão, contribuindo com os projetos importantes para a cidade e os recifenses", destacou Wanderson.

Já Eriberto Rafael falou da importância do diálogo. "Vamos estabelecer um canal de comunicação direto e transparente não só com a bancada do governo, mas também com a oposição para que possamos estar sempre conectados com as demandas de todos os recifenses e as recifenses", comentou.

Prefeito interino de Ipojuca, Irmão Ricardo, com o deputado Joel da Harpa
Prefeito interino de Ipojuca, Irmão Ricardo, com o deputado Joel da HarpaFoto: Divulgação

Às vésperas da eleição suplementar de Ipojuca, o pleno do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE) rejeitou, na quarta-feira (22), o recurso do prefeito interino, Irmão Ricardo (PTC), que pedia a revogação de um “alerta de responsabilização” expedido pelo Tribunal, em janeiro, a pedido do Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCO). O novo pleito ocorre em 2 de abril.
No “alerta”, o TCE recomendou ao prefeito interino que adotasse algumas medidas na gestão, como não aumentar despesas com pessoal, não iniciar novas obras, não assumir compromissos financeiros que devam ser suportados pela gestão do prefeito a ser eleito, além de não realizar pagamentos excepcionais ou não programados a servidores ou fornecedores.

Além do MPCO, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e o Ministério Público Eleitoral (MPE) também enviaram recomendações ao gestor. “Este alerta foi solicitado para garantir que o prefeito eleito receba a Prefeitura em uma situação confortável. Assim como ano passado fizemos a fiscalização da transição em todos os municípios, também pensamos ser importante que Ipojuca tenha uma transição tranquila”, ponderou o procurador-geral do MPCO, Cristiano Pimentel.

A Prefeitura disse aceitar a decisão, visto que faltam dez dias até a eleição suplementar e destacou que Ricardo cumpriu todas as recomendações que lhes foram feitas.

Para Defensoria, Eurico estaria desprestigiando o órgão
Para Defensoria, Eurico estaria desprestigiando o órgãoFoto: Arthur Mota

A abertura de seleção simplificada para advogado no Programa Estadual de Proteção aos Defensores de Direitos Humanos de Pernambuco provocou estremecimento entre o secretário estadual de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico (PSDB), e a Defensoria Pública de Pernambuco (DPPE). Não é o primeiro processo de contratação de advogados estimulado pela pasta, o que vem causando desconforto entre os defensores, que intercedem pela prerrogativa das suas atribuições.
O defensor Público Geral de Pernambuco, Manoel Jerônimo, afirma que foi pego de surpresa pela iniciativa da Secretaria. Segundo ele, a atitude de Eurico vai de encontro aos esforços do governador Paulo Câmara (PSB) de estreitar a relação entre o Executivo estadual e a DPPE. “Não se pode privatizar um serviço público pela prestação de um serviço temporário de advogado. Ao invés de investir no que funciona, o secretário vai na contramão. O Governo vem procurando estreitar parcerias com a Defensoria e Pedro Eurico insiste em gastar mal, fazer um trabalho reprovável como este”, avalia.
O defensor relata que um advogado não conta com as condições da DPPE de estrutura e orçamento para sustentar a defesa dos presos. “Um advogado não tem perna para fazer o que fazemos. Viajar para Brasília e fazer sustentação oral, meios para recorrer da pena. É um erro”, afirma. Jerônimo ressalta que as contratações estão, inclusive, na mira dos órgãos de contas. O Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCO) está investigando o edital de contratação simplificada, após receber uma denúncia via internet.

Procurada pela reportagem, a assessoria do MPCO afirma que está em fase de “análise preliminar do edital” e que a questão do déficit nos presídios é um dos itens analisados em auditoria operacional solicitada pela ministra do Tribunal de Contas da União (TCU), Ana Arraes. O trabalho do TCU já está sendo instruído pelos auditores do TCE. A auditoria engloba presídios de todo o País em parceria entre os órgãos.

Por meio de nota, a SJDH afirma que a seleção está de acordo com o Plano de Trabalho aprovado pelo Ministério de Direitos Humanos e que mantém as parcerias com a DPPE, como os multirões carcerários, e alfineta. “A SJDH acrescenta, ainda, que ao longo deste ano foram realizados mutirões carcerários em quatro unidades do sistema prisional, dois deles em parceria com a Defensoria Pública, mas até o momento o órgão não apresentou os relatórios das atividades, necessários para que sejam impetradas medidas judiciais cabíveis, através da própria Defensoria”, diz.

Câmara estará hoje em?Serra Talhada e Afogados da Ingazeira
Câmara estará hoje em?Serra Talhada e Afogados da IngazeiraFoto: Alfeu Tavares/arquivo folha

Em busca de viabilizar sua reeleição, o governador Paulo Câmara (PSB) começa o Pernambuco em Ação tirando do papel uma das suas principais promessas de campanha, entre as mais cobradas pela oposição: o Hospital Geral do Sertão. O anúncio será feito, nesta quinta-feira (23), em Serra Talhada, no Sertão do Pajéu, às 8h30. O ato será em um terreno nas margens da BR 232, onde será erguida a benfeitoria. A obra será viabilizada graças à captação de operação de crédito junta à Caixa Econômica, conquistada, recentemente, pelo chefe do Executivo estadual. O custo total da projeto é de R$ 5 milhões.

O objetivo do governo é iniciar a caravana de prestação de contas da sua administração no município mostrando serviço, inaugurando e anunciando o que vem sendo feito nas cidades por onde passa. 
Após o anúncio do início da obra, Paulo Câmara também assinará a ordem de serviço para construção da cobertura da quadra da escola Methódio de Godoy Lima, também em Serra Talhada. Em seguida, o gestor estica a agenda para Afogados da Ingazeira, no Sertão do Pajéu, para a abertura da plenária do Pernambuco em Ação, às 14h.

Antes, o gestor inaugura a escola municipal Domingos Teotônio, feita com recursos do Fundo estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM) e a estrada que liga à Albuquerque Né.

Flores
A comitiva palaciana ainda segue para Flores, onde inaugura o acesso ao Distrito de Fátima e assina mais seis ordens de serviço na cidade.

Serão as primeiras paradas da caravana do governador Paulo Câmara pelo Sertão. Amanhã, o gestor segue para Petrolândia, onde abrirá a segunda plenária do Pernambuco em Ação. No mesmo dia, ele irá para Floresta, onde inaugura a quadra da escola Alfonso Ferraz. A última parada da primeira etapa da caravana será em Arcoverde, no próximo sábado. Na cidade, ele visitará o hospital Rui Barros Correia, onde inaugura um ambulatório. Em seguida, ele inaugura a escola técnica de Buíque.

Acompanharão o governador, todo o secretariado estadual e os aliados políticos do Governo que atuam na região. A cobrança para que o governador passasse a circular mais pelo Estado era cada vez mais forte no Palácio do Campo das Princesas. No entanto, a leitura era de que não bastava apenas circular pelo Estado, mas também mostrar as ações da gestão. Por isso, o anúncio do Hospital Geral do Sertão será feito logo no início da caravana para neutralizar críticas e angariar apoio.
Os próximos destinos do Pernambuco em Ação ainda não foram fechados. Há dificuldades devido ao grande número de feriados que virão nas próximas semanas. O objetivo é passar por todas as microrregiões do Estado.

Afago nos aliados
Câmara também aproveitará a caravana pelo interior com o programa Pernambuco em Ação para afagar aliados dos municípios sertanejos. Além de inaugurar obras e promover plenárias do projeto, o chefe do Executivo visitará lideranças da região, para mostrar força política e estreitar laços com lideranças.

A pratica é a mesma adotada pelo ex-governador Eduardo Campos quando fazia suas visitas pelo interior de Pernambuco.

Almoço e jantar
Paulo Câmara almoçará na casa do prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota (PSB) e jantará com o seu secretário estadual de Transportes, Sebastião Oliveira (PR). Nos encontros, serão reunidas lideranças de todas as regiões.

Na sexta (24), segundo dia da viagem, já no município de Floresta, o gestor estadual se reunirá com três lideranças aliadas: o deputado estadual Rodrigo Novaes (PSD), a ex-prefeita Roró Maniçoba (PSB) e o prefeito Ricardo Ferraz.

No último dia de caravana do Pernambuco em Ação, que acontecerá em Arcoverde, Paulo Câmara aproveitará para visitar a prefeita Madalena Brito (PSGB - que era do PTB, mas migrou para a base governista.

Em suas agendas, o governador também concederá entrevista a rádios locais de quase todas as cidades visitadas. O objetivo é marcar presença em todos os meios disponíveis.

assuntos

comece o dia bem informado: