Foram encontrados 311 resultados para "Julho 2019":

Armazém do Campo, do MST.
Armazém do Campo, do MST.Foto: Reprodução/Facebook

A etapa estadual do festival Elas por Elas – Cultura, Trabalho e Comunicação, será realizada nesta quinta-feira (25), a partir das 18h, no Armazém do Campo, Rua Martins de Barros, 387. As interessadas podem concorrer nas modalidades Comida Típica, Produto de Artesanato, além de Poema e Poesia com temática Lula Livre. A etapa estadual classifica uma representante por modalidade para a etapa nacional, que ocorre em Natal- RN. As inscrições podem ser feitas até o dia 23, pelo whatsapp 81. 9 9890-8244. A atividade é organizada pela secretaria de Mulheres e de Cultura do PT Pernambuco.

O evento faz parte de uma agenda nacional de mobilizações organizada pelas secretarias nacionais tanto de mulheres quanto de cultura do PT. “o evento está sendo organizado no intuito de empoderar as mulheres e dar visibilidade a seus produtos. Nosso objetivo com o festival é o de construir um momento de interação, de consolidação da autonomia feminina e promoção do empoderamento de mulheres, além da atividade funcionar como um espaço de celebração de arte, cultura e resistência, afirma Maria Cecília Cintra, integrante da Secretaria de Mulheres do PT Pernambuco.

Para concorrer não é necessário ser filiada, basta ter afinidade com o campo popular e democrático. Se você é artista, chef, artesã, poeta ou conhecem alguém que seja, basta convidá-la a participar da etapa estadual do ‘Elas por Elas’. Uma amostra de sua produção será avaliada por uma comissão também composta por mulheres. Serão selecionadas 3 finalistas que representarão Pernambuco no festival nacional em Natal (no único estado governado por uma mulher), a ser realizado de 02 a 04 de agosto.

A Secretaria da Mulher de Pernambuco (SecMulher-PE) instituiu, a partir de 2013, a implantação da Notificação Compulsória da Violência contra a Mulher nos espaços inter e intrainstitucionais da secretaria.
A Secretaria da Mulher de Pernambuco (SecMulher-PE) instituiu, a partir de 2013, a implantação da Notificação Compulsória da Violência contra a Mulher nos espaços inter e intrainstitucionais da secretaria.Foto: Divulgação

Pernambuco realiza a ampliação da cobertura do registro dos casos de violência doméstica e sexual através da implantação da Notificação Compulsória da Violência contra a Mulher. A iniciativa gerou um trabalho premiado pelo Comitê Científico Internacional na 12ª. Conferência Europeia de Saúde Pública: Construindo pontes para a solidariedade e à Saúde Pública.

O documento será apresentado nos dias 20 e 23 de novembro na conferência que acontece em Marselha, França. Foram inscritos 2.025 trabalhos de vários países e a iniciativa pernambucana recebeu 3.667 em pontuação.

A Secretaria da Mulher de Pernambuco (SecMulher-PE) instituiu, a partir de 2013, a implantação da Notificação Compulsória da Violência contra a Mulher nos espaços inter e intrainstitucionais da secretaria. Entre eles estão: as Casas-Abrigo de acolhimento para mulheres em situação de violência doméstica e risco de morte, Serviço de Monitoramento Eletrônico da Lei Maria da Penha, Centros Especializados de Atendimento à Mulher em Situação de Violência Doméstica e nos 185 Organismos Municipais de Políticas Públicas para as mulheres.

A iniciativa é fruto de uma articulação entre as secretarias da Mulher e de Saúde. Rejane Neiva, assessora de Política de Saúde da Mulher da SecMulher é autora do trabalho que contou com coautorias das secretárias da Mulher de Pernambuco, Silvia Cordeiro; Executiva, Ana Claudia Callou; e da Assessora Política, Beatriz Vidal.


Associação Municipalista de Pernambuco
Associação Municipalista de PernambucoFoto: Divulgação

A Associação Municipalista de Pernambuco divulgou nota se solidarizando com as famílias das vítimas das últimas chuvas que atingiram o Estado e pedindo doações para os desabrigados.

Confira:

"A Associação Municipalista de Pernambuco - Amupe, se solidariza com as famílias das vítimas e com os municípios atingidos pelas recentes chuvas que caíram nos últimos dias em boa parte do Estado de Pernambuco. Somente na Região Metropolitana do Recife choveu em um dia o esperado para metade do mês de julho.

A Amupe solicita que os demais municípios e população em geral que puderem contribuir para amenizar a situação, envie donativos para as Secretarias de Ação Social das cidades atingidas".

Governador Paulo Câmara (PSB)
Governador Paulo Câmara (PSB)Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Os governadores nordestinos voltam a se reunir na próxima segunda-feira (29), em Salvador, na Bahia, para tratar de temas de interesse da Região e traçar o planejamento para os próximos 12 meses do Consórcio Nordeste - uma parceria para agilizar a cooperação entre os nove estados consorciados. O encontro está programado para acontecer às 9h, no Centro Administrativo da Bahia. Na ocasião, os gestores também devem abordar as recentes polêmicas envolvendo governantes nordestinos e a gestão do presidente Jair Bolsonaro (PSL). No final da reunião, uma coletiva de imprensa será realizada e os chefes dos estados devem anunciar medidas do colegiado. O governador baiano, Rui Costa (PT), é o presidente do Consórcio.

O encontro acontece menos de uma semana após a participação de Jair Bolsonaro (PSL) na inauguração do aereporto de Vitória da Conquista (a 518km de Salvador) - sem a presença de Rui Costa - e dez dias após o presidente afirmar, sem saber que estava sendo gravado, que "daqueles governadores de 'paraíba', o pior é o do Maranhão". Durante a sua segunda passagem pelo Nordeste, na última terça-feira, Bolsonaro disse amar a Região. "É uma honra hoje também ser nordestino cabra da peste (...). Somos todos paraíbas, somos todos baianos. O que nós não somos é aqueles que querem puxar para trás o nosso estado, o nosso país", garantiu o presidente durante a solenidade. "Eu amo o Nordeste. Afinal de contas a minha filha tem em suas veias sangue de cabra da peste. Cabra da peste de Cratéus, de nosso estado aqui mais acima, o Ceará", complementou.

Na mesmo dia, em evento no Palácio do Campo das Princesas, no Recife, o governador Paulo Câmara (PSB) comentou as falas de Bolsonaro e as classificou como uma "fábrica de intrigas". Ele também sugeriu que as diferenças ideológicas sejam colacadas de lado. "A gente tem muita responsabilidade como governantes e temos que trabalhar para unir. Infelizmente, nessas declarações últimas do presidente e no conjunto de ações, na verdade, a gente vê uma fábrica de intrigas acontecendo", disse Câmara.

Grupo de trabalho pretende se reunir com setor produtivo e trabalhadores para construir pacto pelo emprego com recorte de gênero.
Grupo de trabalho pretende se reunir com setor produtivo e trabalhadores para construir pacto pelo emprego com recorte de gênero.Foto: Diego Galba/VG

O Grupo de Trabalho sobre Mulheres e o Mercado de Trabalho em Pernambuco iniciou a sistematização de alternativas no âmbito do governo estadual para ampliar a inserção das mulheres no mercado de trabalho. No próximo mês o grupo começa a ouvir os diversos setores da sociedade civil. A ideia é elaborar um diagnóstico e construir alternativas para a inclusão e a valorização das mulheres no setor produtivo. O GT realizou nesta segunda-feira (22) a sua primeira reunião oficial, sob coordenação da vice-governadora Luciana Santos.

“Crescimento e desenvolvimento são palavras que não existem no vocabulário do governo federal. Pernambuco luta para não se contaminar por esse ambiente. Aqui, o governador assumiu o compromisso de firmar um pacto pelo emprego e conversamos para ter um recorte de gênero. Porque há duas questões que são condição necessária para a busca por igualdade, uma é a autonomia financeira, outra o combate à cultura machista”, disse Luciana.

De acordo com ela, o GT pretende ouvir a sociedade, articular estudos e experiências e construir coletivamente caminhos para a inclusão e valorização das mulheres no setor produtivo. “Teremos reuniões com as forças vivas e com os atores reais da geração de riquezas. Vamos beber da fonte para construir um plano de ação”, indicou.

Diretor geral do ProRural e suplente de Luciana na coordenação do GT, Márcio Stefanni também ressaltou a importância de envolver todos nos debates. Nesse sentido, ele destacou a presença das deputadas Dulcicleide Amorim, Jô Cavalcanti e Kátia Cunha (Juntas) na reunião.

“Um pacto é algo que não pode ser só do Executivo. Um pacto precisa ser da sociedade, uma construção coletiva. O povo quer cidadania, e não há cidadania sem emprego e renda. Temos que ir à sociedade escutar. É essencial ouvir nossos técnicos, mas também os detentores do capital e o povo. A experiência nos mostra que o povo sabe o melhor caminho. O governo federal tem sido um dificultador, mas vamos sentar à mesa com todos e encontrar o melhor caminho”, afirmou.

Cenário

No encontro, foram apresentados dados sobre a situação das mulheres no estado e os programas já desenvolvidos pelo governo. Em Pernambuco, a taxa de participação na força de trabalho, das pessoas de 14 anos ou mais, é de 55 % da população total. Desses, 66 % são homens e 44 % são mulheres. O rendimento médio dos homens é 12,4% maior que o das mulheres.

Além disso, os empregos para mulheres estão concentrados no setor de serviços (72%), ao passo que a indústria representa apenas 7,6% dos empregos femininos.

Pernambuco possui 380 mil donas de pequenos negócios. Grande parte delas (88%) desenvolvem atividades por conta própria e 11,5% são empregadoras. Entre essas empreendedoras, 79% não possuem CNPJ e 63% recebem até 1 salário mínimo.

O GT foi instituído pelo Decreto Nº 47.386/2019, assinado em abril por Luciana Santos, no exercício do governo. O objetivo é avaliar as atividades econômicas no Estado e contribuir para construção do Pacto pelo Emprego, fortalecendo a presença das mulheres no mundo do trabalho.

O grupo deverá se reunir uma vez por mês, podendo, conforme demanda interna, realizar reuniões extraordinários. O próximo encontro ocorrerá no dia 5 de agosto. A meta é realizar levantamento e caracterização das atividades econômicas do Estado e das oportunidades existentes para as mulheres, realizando fóruns de debates específicos, em parceria com a sociedade civil e o setor produtivo.

Coordenado pela vice-governadora, o GT é composto por representantes das secretarias de Planejamento e Gestão, da Cultura, da Mulher, de Ciência, Tecnologia e Inovação, de Desenvolvimento Econômico, de Trabalho, Emprego e Qualificação e da Fazenda.

luciana

Crédito: Diego Galba / VG

A apresentação aconteceu no painel da ONU-Habitat. O encontro reuniu executivos de empresas de vários segmentos, empreendedores e prefeitos de várias cidades do Brasil.
A apresentação aconteceu no painel da ONU-Habitat. O encontro reuniu executivos de empresas de vários segmentos, empreendedores e prefeitos de várias cidades do Brasil.Foto: Cortesia

O prefeito Geraldo Julio (PSB) apresentou, nesta terça-feira (23), os projetos desenvolvidos na Prefeitura do Recife voltados para Inovação e Tecnologia, durante palestra no Smart City Business Brazil Congress & Expo, em São Paulo. O foco foi mostrar como as ferramentas podem aproximar os cidadãos e os governos locais. A apresentação aconteceu no painel da ONU-Habitat. O encontro reuniu executivos de empresas de vários segmentos, empreendedores e prefeitos de várias cidades do Brasil. Também participaram do painel, a prefeita de Monteiro Lobato (SP), Daniela de Cássia, o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves Barreto, o fundador do Colab, Gustavo Maia, o chefe de desenvolvimento da ONU-Habitat, Claudio Acioly e o diretor de vendas e desenvolvimento de negócios da Qualcomm, Jose Palazzi.

Em sua palestra, Geraldo ressaltou que não há outro caminho para buscar os objetivos das cidades sustentáveis que não passe pelo uso das tecnologias para envolver a população e a gestão pública. "Fomos selecionados pela ONG Habitat para essa discussão e, agora, a gente tem a interlocução com várias outras cidades e organismos internacionais de financiamento e startups que trabalham nesse setor de inovação e tecnologia. Aqui, tivemos a oportunidade de apresentar as experiências do Recife para uso de inovação e tecnologia para o engajamento e a participação dos cidadãos nas políticas públicas. Falamos sobre projetos como o Transforma Recife, Quero Impactar, a Maratona Verde", afirmou.

Na ocasião, entre as ações destacadas, uma delas foi a pesquisa de origem-destino, que subsidiou o plano de Mobilidade no Recife. Mais de 200 mil pessoas foram ouvidas no processo, que foi totalmente digital. O projeto mais recente da Prefeitura na área de inovação foi o Quero Impactar. A plataforma digital possibilita que pessoas físicas e jurídicas façam doações de uma parcela do Imposto de Renda para causas sociais, esportivas e culturais na cidade.

Em junho, a Maratona Verde também lançou mão da tecnologia para estimular a consciência ambiental entre os recifenses. A iniciativa bateu o recorde de 10 mil árvores plantadas em oito dias, sendo 97% espécies nativas da mata atlântica.

Fundador da Colab, Gustavo Maia, também participou do encontro e apresentou o projeto e seus desdobramentos. No Recife, a parceria da Prefeitura com o app resultou em consultas públicas para avaliar as ações desenvolvidas nos dois Centros Comunitários da Paz (Compaz) e na rede de bibliotecas pela paz. Para a revisão do Plano Diretor, também foi feita uma consulta de mobilidade e ordenamento e uma pesquisa de opinião sobre políticas públicas urbanas de transporte, saneamento e habitação. Na elaboração do Plano Recife 500 anos, o Colab e a Prefeitura também firmaram parceria para subsidiar o estudo.

O Colab é um tipo de rede social da cidadania e foi usada para conectar cidadãos e governos. Mais de 200 mil pessoas e 10 prefeituras brasileiras já lançaram mão da iniciativa

O secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa, levou ao Palácio do Campo das Princesas o presidente do PSB de Catende e futuro candidato a prefeito, Paulo Cordeiro, acompanhado do Professor Arthur Gonçalves.
O secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa, levou ao Palácio do Campo das Princesas o presidente do PSB de Catende e futuro candidato a prefeito, Paulo Cordeiro, acompanhado do Professor Arthur Gonçalves.Foto: Divulgação

O secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa, levou ao Palácio do Campo das Princesas o presidente do PSB de Catende e futuro candidato a prefeito, Paulo Cordeiro, acompanhado do Professor Arthur Gonçalves para uma reunião política com o governador Paulo Câmara. Na reunião, o governador  perguntou pelo ex-prefeito Otacílio Cordeiro e prometeu uma visita na residência dele na próxima iagenda em Catende.

Líder do PSB na Câmara Federal, Tadeu Alencar.
Líder do PSB na Câmara Federal, Tadeu Alencar.Foto: Divulgação

"Jair Bolsonaro caminha para entrar na história como o chefe de governo mais inconsequente que o Brasil já teve". A afirmação foi feita nesta terça (23) pelo líder do PSB na Câmara dos Deputados, Tadeu Alencar, ao comentar as declarações do presidente sobre o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), entidade de capacidade reconhecida no mundo inteiro e que vem sofrendo ataques pesados por parte do governo federal.

“Bolsonaro pôs sob suspeita os relatórios do Inpe referentes ao desmatamento da Amazônia, fato que provocou revolta em vários países para quem o modelo adotado pelo Brasil é, hoje, uma referência”, afirmou o parlamentar para quem o presidente estimula a falta de transparência em uma área que precisa ser aberta, como é o caso do meio ambiente e da sustentabilidade.


O parlamentar citou, entre outras ações agressivas de Jair Bolsonaro a exclusão de 13 representes da sociedade civil do Conselho Nacional de Políticas Anti-Drogas; o esvaziamento da Agência Nacional de Cinema (Ancine) mediante o esvaziamento financeiro das instituição e a censura à sua produção, através da adoção de filtros temáticos. “Ele (Bolsonaro) não é dono do Brasil. É apenas o presidente eleito”, concluiu o líder socialista.

Na tarde desta terça-feira (23.07), o secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa, se reuniu com a diretora de projetos do Porto Digital, Mariana Pincovsky, e o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio
Na tarde desta terça-feira (23.07), o secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa, se reuniu com a diretora de projetos do Porto Digital, Mariana Pincovsky, e o secretário estadual de Educação, Fred AmâncioFoto: Divulgação



Para que os jovens pernambucanos, sobretudo os egressos das Escolas Técnicas Estaduais, larguem na frente pelos postos de trabalho que serão abertos no Ecossistema de Inovação de Pernambuco, que hoje conta com aproximadamente 10 mil profissionais e tem como meta para os próximos anos dobrar este número, a Secretaria Estadual de Ciência Tecnologia e Inovação, em parceria com o Porto Digital e a Secretaria Estadual de Educação para garantir que os estudantes recebam a devida capacitação. Na tarde desta terça-feira (23), o secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação, Aluísio Lessa, se reuniu com a diretora de projetos do Porto Digital, Mariana Pincovsky, e o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio, para discutir diretrizes sobre o tema.

Na ótica de Fred Amâncio, a parceria vem de encontro com a política de educação pública que está sendo aplicada em Pernambuco. "Temos buscado parcerias com o setor privado para que elas prepararem os seus profissionais em nossas escolas. E os alunos das Escolas Técnicas Estaduais são preparados dentro da sala de aula pensando no mercado de trabalho. Programas como o "Ganhe o Mundo" oferecem uma grande bagagem intelectual e potencial para abraçarem uma oportunidade como esta", avaliou.

Para Mariana Pincovsky, a aprendizagem oferecida pela rede estadual proporciona vantagem aos jovens pernambucanos. "As Escolas Técnicas Estaduais oferecem um ensino de qualidade. Aplicando um curso voltado para as nossas demandas e que aprimore o potencial dos estudantes, teremos profissionais aptos para preencherem as vagas", disse.

Aluísio Lessa ressaltou que a integração é um fator preponderante para que os estudantes conquistem estes empregos. "Estamos integrados para que a expansão do Ecossistema de Inovação de Pernambuco garanta aos nossos jovens, que contam com a melhor educação pública do Brasil, a empregabilidade no nosso centro tecnológico, que é referência no Brasil e no mundo", afirmou.

aluisio

O advogado Dr. Elton Martins esteve, na manhã desta quarta (24), com o presidente estadual do MDB, deputado federal Raul Henry, na sede da legenda no Recife
O advogado Dr. Elton Martins esteve, na manhã desta quarta (24), com o presidente estadual do MDB, deputado federal Raul Henry, na sede da legenda no RecifeFoto: Divulgação

O MDB de Pernambuco já tem pré-candidato à Prefeitura de Águas Belas, em 2020. O advogado Dr. Elton Martins, 36 anos, esteve, na manhã desta quarta-feira (24), com o presidente estadual do MDB, deputado federal Raul Henry, na sede da legenda no Recife, para acertar sua filiação, que deve acontecer em breve. Ele chegou acompanhado pelo dirigente municipal do partido, o vereador Emílio de Tanquinhos.

Na oportunidade, Dr. Elton fez questão de enfatizar que está pronto para disputar a eleição do ano que vem. “Vendo a necessidade de ter uma candidatura que represente ‘o novo’, coloco-me à disposição do povo de Águas Belas para representá-los, com a certeza que honrarei cada compromisso assumido”, afirmou o pré-candidato.

O presidente emedebista comemorou a decisão de Dr. Elton e disse que ele chega para somar. “Para nós, do MDB de Pernambuco, é uma honra receber em nossos quadros o Dr. Elton Martins. Um jovem e respeitado advogado do Agreste Meridional, que se dispõe a disputar a Prefeitura de Águas Belas no campo da oposição. Estamos muito honrados pela preferência dele pelo nosso partido. Partido que sempre teve o respeito e a confiança do povo de Pernambuco”, colocou Raul Henry.

Além do MDB, o pré-candidato também conta com o apoio do seu primo, o deputado estadual Claudiano Martins (PP).

assuntos

comece o dia bem informado: