Foram encontrados 202 resultados para "Recife":

Mendonça Filho
Mendonça FilhoFoto: Arthur Mota

O ex-ministro Mendonça Filho entrou, nesta segunda-feira (30) com uma Ação Popular, na 5 Vara da Fazenda Pública, para impedir que o prefeito do Recife, Geraldo Júlio, antecipe o pagamento do IPTU e da taxa de lixo (TRSD) de 2021, comprometendo as finanças do município e a prestação de serviços como a coleta de lixo no próximo ano.

“Além de ilegal e inconstitucional, a lei não garante a aplicação dos recursos no enfrentamento da crise do corona vírus, compromete as finanças da próxima gestão e a prestação de serviços para a população como a coleta de lixo em 2021”, afirmou Mendonça, ressaltando que no próximo ano a crise do corona vírus terá passado e o Recife não pode enfrentar novo problema de saúde pública com o não recolhimento do lixo.

Na Ação Popular, Mendonça argumenta que não pode ser dado um cheque em branco para a Prefeitura possibilitar ilegalmente que o contribuinte adiante tributo cujo fato gerador não está implementado. “Essa é uma situação nunca vista, nem mesmo nos municípios mais pobres do Brasil. A Prefeitura tem de fazer sua parte. Cortar despesas com publicidade, cargos comissionados, rever contratos e fazer remanejamento em rubricas orçamentárias. Só com publicidade, a Secretaria de Governo da PCR gastou em 12 meses cerca de R$ 50 milhões”, questiona.

Mendonça defende que a atual gestão deveria prorrogar, a exemplo de prefeituras como Teresina, no Piauí, o pagamento do IPTU. “Isso sim é contribuir para amenizar a crise econômica que afeta cidadãos e empresas”, completou.

Mendonça destaca na Ação Popular, que decisão do Supremo Tribunal Federal, proferida pelo Ministro Alexandre de Moraes, relativiza algumas normas orçamentárias dos artigos 14, 16, 17 e 24 da LRF e 114 durante o estado de calamidade pública e para fins exclusivos de combate integral da pandemia de COVID-19. “O STF foi provocado pelo Governo Federal, numa ação movida pela AGU sobre a flexibilização da LRF, e se pronunciou sobre artigos específicos, deixando inalterado o artigo 38, que veda antecipação de receita no último ano de mandato”, afirmou Mendonça, lembrança que, na sua decisão, o ministro Alexandre Moraes fez ponderações que indicam que não pode o gestor público, sem amparo judicial, simplesmente ignorar as regras orçamentárias e de responsabilidade fiscal.

A Ação Popular pede a suspenção de homologação da apuração e do recolhimento do IPTU e da taxa de lixo; que a Prefeitura se abstenha de utilizar recursos oriundos de recolhimentos eventualmente já realizados pelos contribuintes; a exclusão da divulgação da antecipação do pagamento nas mídias sociai; a supressão no site de qualquer informação, link ou aba que permita a emissão do DAM (Documento de Arrecadação Municipal) referente à antecipação e, em caso de eventual descumprimento, a aplicação de pena pessoal ao gestor público do Poder Executivo municipal, em valor não inferior a R$200.000,00 (duzentos mil reais) por dia, bem como remessa de peças ao Ministério Público do Estado de Pernambuco para que avalie possível ocorrência de ato de improbidade administrativa.

Lojas como supermercados, farmácias, postos de gasolina e clínicas médicas continuam funcionando. PCR também iniciou campanha de conscientização com carros de som nas comunidades
Lojas como supermercados, farmácias, postos de gasolina e clínicas médicas continuam funcionando. PCR também iniciou campanha de conscientização com carros de som nas comunidadesFoto: Andréa Rêgo Barros/ PCR

Em cumprimento ao decreto que determinou o fechamento do comércio, dos serviços e das obras de construção civil em todo o estado de Pernambuco, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano, através da Diretoria de Controle (Dircon), com o apoio da Guarda Municipal, percorreu vários bairros da cidade com o intuito de fiscalizar e orientar os estabelecimentos que não estão cumprindo a determinação publicada no último domingo (22).

A medida tem como objetivo diminuir a circulação de pessoas nas ruas e combater a disseminação do novo coronavírus. Para ampliar a divulgação de informações sobre a Covid-19, a Prefeitura também está fazendo uso de carro de som nas comunidades como parte da estratégia de conscientização da população.

Durante a operação realizada nesta segunda (23), 11 estabelecimentos comerciais foram autuados. Entre as infrações encontradas, a mais grave foi um restaurante de Santo Amaro com funcionamento de self-service. O estabelecimento foi interditado. Além disso, uma oficina mecânica na Av. Rosa e Silva encerrou seu expediente, depois que os fiscais orientaram o proprietário e funcionários sobre a importância das medidas em vigor. Na Antenor Navarro, bairro das Graças, uma lanchonete foi notificada por improvisar um “drive-thru” com cones na via pública, tentando burlar o decreto de saúde pública e ocupando irregularmente logradouro público. Também na Rosa e Silva, uma padaria foi orientada a recolher mesas e cadeiras que estavam dispostas no salão e passar fita zebrada isolando área do buffet de self-service e também o primeiro andar, onde eram servidas refeições.

Já na Zona Sul, houve a interdição de duas lanchonetes, Dois salões de beleza, ambos na Avenida Conselheiro Aguiar, acataram orientação para fechar. No caso dos estabelecimentos que receberam auto de infração, se houver reincidência, o local poderá ser interditado e perder alvará de funcionamento. Cerca de 30 profissionais da Dircon e Guarda Municipal estavam envolvidos na ação de fiscalização. A medida não vale para supermercados, mercados, padarias, feiras livres, farmácias, lojas de conveniência, restaurantes, lanchonetes e postos de combustíveis.

“A ideia é esclarecer e conseguir que o próprio comerciante decida pelo fechamento e cumprimento das medidas. Se esse acordo não for alcançado, ele poderá ser multado e fecharemos o estabelecimento. Em caso de reincidência, o comerciante pode ser punido com a perda de alvará de funcionamento", explicou Candida Bonfim diretora executiva de Controle Urbano do Recife.

O cidadão pode denunciar estabelecimentos e obras que estejam descumprindo as medidas restritivas municipais para contenção do avanço do novo Coronavírus. As denúncias podem ser feitas de acordo com a área da cidade em que a irregularidade está acontecendo:

• Regional Centro-Oeste

Whatsapp: 99110-1789

E-mail: [email protected]

• Regional Norte

Whatsapp: 99159-1493

E-mail: [email protected]

• Regional Sul

Whatsapp: 99485-0083

E-mail: [email protected]

O Governo de Pernambuco, por meio da SDS, também está empenhado na contenção do avanço do novo Coronavírus e ativou o Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR) para garantir o cumprimento das medidas de prevenção no Estado. Ligue 190 se vir aglomerações acima de 10 pessoas.

Carros de Som - Para ampliar a divulgação de informações sobre a Covid-19, a Prefeitura também está fazendo uso de carro de som nas comunidades como parte da estratégia de conscientização da população para o controle da pandemia do novo coronavírus na cidade. Ao todo, quatro carros de som vão circular por dia, sete dias da semana, pelas ruas do município divulgando sobre a importância de ficar em casa e evitar aglomerações, atitude indispensável para combater a disseminação da doença. Bairros como Ibura, Jordão, Afogados, Córrego do Jenipapo, Vasco da Gama, Casa Amarela, Beberibe, Agua Fria e UR-11 já receberam a ação.

O cidadão pode denunciar estabelecimentos e obras que estejam descumprindo as medidas restritivas municipais para contenção do avanço do novo Coronavírus

O cidadão pode denunciar estabelecimentos e obras que estejam descumprindo as medidas restritivas municipais para contenção do avanço do novo Coronavírus - Crédito: Andréa Rêgo Barros/ PCR

Prefeitura do Recife
Prefeitura do RecifeFoto: Reprodução/Google Street View

A Prefeitura do Recife divulga 20 novas ações do Plano Municipal de contingenciamento COVID-19. Entre as medidas anunciadas está a contratação temporária de 194 novos profissionais de Saúde, sendo 15 médicos para a Atenção básica e 179 profissionais voltados para os novos leitos de UTI e retaguarda anunciados ontem pelo prefeito Geraldo Julio e pelo governador Paulo Câmara. Todos os servidores da Prefeitura do Recife serão convocados para trabalhar nas ações do Plano Municipal de Contingenciamento Covid-19.

Também foram chamados de volta à Prefeitura do Recife todos os profissionais das áreas de Saúde, Assistência Social, Defesa Civil, Limpeza Urbana e Guarda Municipal que estavam cedidos a outros órgãos, com exceção dos que já estão atuando nos Planos Nacional ou Estadual de Contingência. Em adição, ficou determinado que os secretários e presidentes de órgãos deverão definir quais servidores podem cumprir suas funções de casa. Instituições públicas e privadas ficam recomendadas a fazer o mesmo. Com as novas medidas anunciadas hoje o plano chega a 112 ações.

Além disso, a Prefeitura do Recife irá publicar um decreto suspendendo todas as atividades do setor da construção civil, pública ou privada, que não estejam relacionadas às ações de combate ao novo coronavírus. Foram suspensas as atividades da Ciclofaixa de Turismo e Lazer e determinada a redução do horário de funcionamento dos Mercados Públicos, com a prorrogação por 90 dias da taxa de permissão para os lojistas instalados nos mercados administrados pela Prefeitura do Recife. Também será lançado um hotsite informativo com a disponibilização de material educativo para a população utilizar nas redes sociais.

Como forma de movimentar a economia criativa e ainda gerar conteúdo para veiculação durante as medidas restritivas, a Prefeitura do Recife vai convocar os vencedores do primeiro Edital de Conteúdo Remunerado Rádio Frei Caneca FM. Ao todo serão 44 programas para a grade da rádio pública do Recife. Ainda para apoiar os profissionais da cultura, a Prefeitura do Recife irá publicar um decreto simplificando a prestação de contas para o pagamento dos artistas que se apresentaram no Carnaval do Recife 2020.

A Prefeitura do Recife irá ofertar 20 vagas de isolamento domiciliar no Abrigo Emergencial do município para a população em situação de rua, nos casos de encaminhados pelo sistema de saúde. Serão suspensos os atendimentos presenciais na Autarquia de Previdência da Prefeitura do Recife (Reciprev), nas Salas do Empreendedor e das Agências de Emprego do Recife.

Os trabalhadores poderão buscar os serviços através da internet. Também será lançada uma campanha de arrecadação de donativos para entidades filantrópicas que trabalham com crianças, idosos, pessoas com deficiência e outras ações de assistência social, por meio da plataforma Transforma Recife e iniciada a rede de solidariedade para os trabalhadores do Plano de Contingência, com a convocação dos voluntários para apoio dos profissionais.

Confira as 20 novas medidas anunciadas pela Prefeitura do Recife nesta quinta (19):

1. Publicação de decreto autorizando contratação emergencial de 194 profissionais de saúde, sendo 179 para as UTI´s e leitos de retaguarda para atenção aos pacientes com a COVID-19.

2. Prorrogação por 90 dias da cobrança da taxa de permissão dos lojistas dos Mercados Públicos Municipais.

3. Redução do horário de funcionamento dos Mercados Públicos Municipais, que passarão a fechar às 15h

4. Publicação de decreto convocando todos os colaboradores da Prefeitura do Recife para enfrentamento à COVID-19.

5. Suspensão das cessões de servidores da Prefeitura do recife das áreas de Saúde, Assistência Social, Defesa civil e Guarda Municipal com exceção daqueles que estejam trabalhando nos planos nacional ou estadual de contingência ao COVID-19.

6. Publicação de portaria da SADGP solicitando que cada secretaria ou órgão da Prefeitura informe quais servidores poderão trabalhar de suas casas (Teletrabalho) e recomendação às instituições públicas e privadas para que façam o mesmo.
7. Suspensão das atividades da Ciclofaixa de Turismo e Lazer.

8. Suspensão de todos os procedimentos do Hospital Veterinário do Recife, com exceção do setor de emergência.

9. Lançamento de hotsite informativo e com material educativo para rede sociais sobre a COVID-19 (novocoronavirus.recife.pe.gov.br).

10. Convocar os vencedores do primeiro Edital de Conteúdo Remunerado da Frei Caneca FM para assinar contratos, como forma de movimentar a economia criativa e produzir conteúdo para veiculação durante as medidas restritivas.

11. Simplificação das exigências referentes a prestação de contas de apresentações realizadas no carnaval 2020 para com isso agilizar pagamento de cachês dos artistas.

12. Suspensão o atendimento presencial na Autarquia de Previdência da Prefeitura do Recife.

13. Ofertar 20 vagas para isolamento domiciliar, no abrigo emergencial, para a população em situação de rua, nos casos que sejam encaminhados pelo serviço de saúde.

14. Publicação de decreto suspendendo as atividades do setor de construção civil, com exceção das obras e serviços públicos e das obras do setor privado necessárias ao plano de contingência para a COVID-19 federal, estadual e municipal.

15. Adiamento para o período entre 1° de maio e 31 de julho de 2020 do recadastramento anual dos taxistas do Recife.

16. Lançamento de campanha pelo Transforma Recife de arrecadação de donativos para as entidades filantrópicas que trabalham com crianças, idosos, pessoas com deficiência e outras ações de assistência social.

17. Início das atividades da rede de solidariedade para os profissionais envolvidos na emergência em saúde através do chamamento de voluntários para prestar apoio individual e esses profissionais.

18. Engajamento de líderes religiosos na rede de solidariedade para a produção de vídeos com mensagens de fé, esperança e autoestima para os profissionais envolvidos na emergência.

19. Suspensão do atendimento nas agências de emprego. Os trabalhadores poderão buscar os serviços através da internet.

20. Suspensão do atendimento das salas do empreendedor do município como medida para evitar a proliferação do coronavirus. O atendimento passará a ser remoto.

Confira o anúncio feito pelo prefeito Geraldo Julio:

Vereador do Recife, Rinaldo Junior (PSB), em entrevista à Rádio Folha
Vereador do Recife, Rinaldo Junior (PSB), em entrevista à Rádio FolhaFoto: Leo Malafaia / Folha de Pernambuco

Durante Sessão Ordinária na manhã desta quarta-feira, 18, o vereador Rinaldo Junior (PSB) solicitou dispensa de prazo e regime de urgência ao Projeto de Lei Ordinária (PLO), que dispõe sobre a suspensão de corte de água e energia elétrica durante 120 dias no município do Recife, e que já está tramitando na Câmara Municipal.

O Projeto de Lei determina que fica suspenso o corte de água e energia elétrica no município do Recife, durante o período de 120 dias, devido à Pandemia do COVID-19 (Coronavírus). Ainda de acordo com o PLO, o Poder Executivo regulamentará a lei através de Decreto, no que for cabível, onde a lei entrará em vigor na data de sua publicação.

De acordo com o vereador Rinaldo Júnior, a lei é essencial para preservar a integridade e segurança da população menos assistida, principalmente os idosos, que ficam impedidos de se locomover para bancos, além de trabalhadores informais, os pequenos comerciantes, que podem não conseguir pagar suas contas nesse período, e serão os mais prejudicados economicamente com a situação da Pandemia.

“É garantir o acesso à água e energia para a nossa população porque todos nós sabemos que são dois itens essenciais. Pedimos que corra em regime de urgência para dar uma resposta rápida para quem precisa. Estou preocupado com a situação econômica dessas pessoas que estão sem renda, sem poder vender seus produtos e não vão poder pagar as contas. Vamos tentar conversar com o prefeito Geraldo Julio para sancionar de forma rápida e que as concessionárias Celpe e Compesa não se oponham. Chegou a hora das empresas fazerem a sua parte porque as pessoas não podem ser penalizadas. É importante frisar que o PLO se restringe apenas à questão do corte, e por tempo determinado, e não ao pagamento”, ressaltou o vereador socialista.

Prefeitura do Recife
Prefeitura do RecifeFoto: Reprodução/Google Street View

Em novo anúncio de ações de contenção do novo coronavírus na cidade, a Prefeitura do Recife determinou o limite de 50 pessoas para a realização de eventos na cidade. Um novo conjunto composto de 11 medidas foi adicionado ao Plano de Contingenciamento, que chegou a 91 ações com o objetivo de reduzir o número de casos da nova doença, considerada como pandemia pela Organiação Mundial de Saúde.

As ações divulgadas nesta terça (17) incluem ainda a determinação para que instituições públicas e privadas funcionem em horários distintos, com o objetivo de reduzir a concentração de pessoas no Transporte Público. A partir da próxima quinta (19), as secretarias e órgãos da Prefeitura do Recife já funcionarão desta maneira. Também foi estabelecida uma parceria com o Tribunal de Contas do Estado para facilitar aquisições e contratações necessárias ao Plano de Contingenciamento.

Foi feita ainda recomendação para que bares funcionem com 50% da sua capacidade. A recomendação para que os Shoppings Centers reduzam o horário de funcionamento das 12h às 20h, com 50% dos lugares nas Praças de Alimentação. Será feita ainda a recomendação para que as Igrejas tomem medidas que evitem o contato pessoal nas suas dependências.

Foi adiado o Concurso Público para Agentes Comunitários de Saúde, previsto para o próximo sábado (22), com previsão de reunir 9 mil candidato. As aulas das 17 Escolas Profissionalizantes do município, que concentram 5,5 mil alunos, também foram suspensas.

A Prefeitura do Recife vai ainda renovar automaticamente as credenciais de estacionamento especial até o dia 30/04 e a concessão automática para gratuidade nas vagas de Zona Azul para os idosos, sem necessidade de atendimento presencial, por meio do aplicativo Zona Azul Digital.

Confira as 11 ações divulgadas nesta terça-feira (17):

1. Proibição da realização de eventos públicos e privados com mais de 50 pessoas;

2. Estabelecimento de parceria com Tribunal de Contas de Pernambuco para a otimização das aquisições e contratações necessárias às ações emergenciais do Plano Municipal de Contingenciamento COVID-19.

3. Recomendação a instituições públicas e privadas para que adotem horários alternativos de funcionamento, de forma a diminuir a concentração de passageiros no transporte coletivo.

4. As Secretarias e órgãos da Prefeitura do Recife funcionarão, a partir do dia 19/03/2020, em horários distintos com o objetivo de diminuir a concentração de servidores no transporte coletivo.

5. Recomendação para que bares e restaurantes reduzam em 50% a sua capacidade com a retirada de mesas e cadeiras.

6. Recomendação aos shoppings centers para que funcionem em horário reduzido, das 12h às 20h, com redução de 50% dos lugares na Praça de Alimentação.

7. Recomendação às igrejas para que adotem medidas restritivas do contato pessoal.

8. Adiamento do concurso público para Agentes Comunitários de Saúde, que reuniria 9 mil candidatos no dia 22/03/2020.

9. Suspensão das aulas dos 5,5 mil alunos das escolas profissionalizantes da Prefeitura.

10. Renovação automática das credenciais de estacionamento especial até 30/04/2020;

11. Concessão da gratuidade de Zona Azul para Idosos sem necessidade de atendimento presencial.

Deputada federal Marília Arraes (PT) deverá disputar a Prefeitura do Recife
Deputada federal Marília Arraes (PT) deverá disputar a Prefeitura do RecifeFoto: Divulgação

O Recife Cidade Inteligente, proposta apresentada pela deputada federal Marília Arraes ao PT e à sociedade, demonstrou em apenas 24h a necessidade da população de debater o que pensa para que o Recife seja uma cidade melhor.
  
Em apenas 1 dia, as redes sociais de Marília receberam mais de 500 comentários, e quase 5 mil curtidas, com sugestões e ideias para a Saúde, Educação, Mobilidade, Combate às Desigualdades, Cultura, Esporte e Lazer.

“Isto mostra o quanto as pessoas querem ser ouvidas. Sempre que vou aos bairros do Recife percebo o desejo da população de falar sobre os problemas mas ao mesmo tempo apontar soluções. O recifense quer participar da construção de uma cidade melhor”, afirma Marília.

As sugestões para o Recife Cidade Inteligente vão desde o plantio de mais árvores pela cidade, passando por um sistema de recolhimento de lixo mais eficaz, até a implementação de um sistema de transporte público pelo Rio Capibaribe.

Dois problemas muito comentados são a situação das palafitas e, na educação, a falta de creches para atender às crianças. Estes temas são tratados por Marília no Recife Cidade Inteligente com propostas para o fim das palafitas e para zerar a fila das creches na capital pernambucana.

A participação da população no Recife Cidade Inteligente pode ser conferida nas redes sociais de Marília Arraes:

Instagram: https://www.instagram.com/mariliaarraes/?hl=pt-br

Facebook: https://www.facebook.com/arraes/

Nos encontros, foram discutidas as novas medidas da Prefeitura do Recife para evitar a disseminação do novo coronavírus
Nos encontros, foram discutidas as novas medidas da Prefeitura do Recife para evitar a disseminação do novo coronavírusFoto: Divulgação

Após o anúncio das novas medidas da Prefeitura do Recife para evitar a disseminação do novo coronavírus, a Secretaria de Saúde (Sesau) do Recife se reuniu, na tarde deste domingo (15) com instituições de ensino, Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) e Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe). O secretário de Saúde do Recife, Jailson Correia, esteve na Reitoria da Universidade de Pernambuco (UPE), em Santo Amaro, para falar pessoalmente com gestores de ensino técnico, tecnológico e superior do Estado sobre a decisão do prefeito Geraldo Julio, na manhã deste domingo, de suspender as aulas nas redes públicas e privadas a partir da próxima quarta-feira (18).

As universidades que compõem o Consórcio Pernambuco Universitas e os Institutos Federais de Pernambuco elogiaram a decisão da Prefeitura do Recife e resolveram suspender as atividades presenciais já a partir desta segunda-feira (16), na UPE, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) e outras instituições.

Depois da UPE, o secretário de Saúde recebeu, no gabinete da Sesau, no edifício-sede da Prefeitura, representantes do Cremepe e do Simepe. Um dos assuntos discutidos foi a recomendação do prefeito Geraldo Julio de que os profissionais de instituições públicas e privadas, com mais de 60 anos, trabalhem de casa, já que são mais vulneráveis à Covid-19. O gestor, que é infectologista, explicou que a exceção à regra são os profissionais de saúde, assim como outros servidores que prestam serviços considerados essenciais ao enfrentamento da Covid-19 - Assistência Social, Defesa Civil, Limpeza Urbana, e Guarda Municipal.

“Para que as ações anunciadas pelo prefeito nos últimos dias tenham êxito, é imprescindível o engajamento de todos os servidores da Sesau e a compreensão de que a atividade que exercem é de caráter essencial, sobretudo nessa situação excepcional de pandemia. Por esse motivo, conclamamos os profissionais de saúde a continuarem a exercer suas atividades nas unidades de saúde. Contamos com a colaboração de vocês e todos os profissionais da Sesau para garantir a continuidade dos atendimentos à população mais vulnerável da cidade, no momento em que elas mais precisam do SUS”, disse Jailson Correia.

O secretário de Saúde do Recife garantiu ao Simepe e ao Cremepe que a Sesau vai disponibilizar os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para evitar a contaminação dos profissionais. Durante a manhã, uma das medidas anunciadas pelo prefeito Geraldo Julio foi a liberação de R$ 10 milhões para aquisição de mais EPIs.

Objetos foram arremessados contra o fotógrafo da Folha de Pernambuco, repórteres e veículos de imprensa foram hostilizados
Objetos foram arremessados contra o fotógrafo da Folha de Pernambuco, repórteres e veículos de imprensa foram hostilizadosFoto: Divulgação

Neste domingo (15), na Avenida Boa Viagem, parte dos manifestantes hostilizaram veículos de imprensa e tentaram impedir o trabalho dos profissionais. Um sapato e uma garrafa de água foram arremessados contra o fotógrafo da Folha de Pernambuco, que registrava a manifestação. O repórter de texto do jornal, que estava em outro trecho da avenida, foi hostilizado por um grupo de pessoas que o cercaram e tentaram intimidá-lo com gritos e vaias para que ele deixasse o local ou "poderia ser agredido". O carro da Folha também foi vaiado por parte dos manifestantes e teve que sair do trecho em que estava para não ser cercado.

Também houve intimidação contra uma fotógrafa do Diario de Pernambuco, que fazia a cobertura da manifestação. Ela foi perseguida por pessoas que gritavam contra o veículo e tentaram bloquear a lente da sua câmera. Várias pessoas também começaram a gritar contra a presença dela, enquanto alguém a seguia, filmando todos os seus passos.

Em contrapartida, outros manifestantes se aproximaram da equipe da Folha de Pernambuco para pedir desculpas pelo comportamento do grupo que tentou hostilizar a imprensa, para reconhecer que os profissionais desenvolvem seu trabalho com seriedade e para assegurar que esse tipo de comportamento não representa a totalidade dos eleitores do presidente Jair Bolsonaro. Questionada sobre o efetivo e o esquema de policiamento durante o protesto, a Polícia Militar, em nota, informou que reforçou o policiamento na avenida Boa Viagem, e que não houve registros de manifestações contra veículos de comunicação.

Além dos episódios registrados no Recife, manifestantes ameaçam jornalistas da Globo e da Folha de S.Paulo em Brasília. Na capital federal, manifestantes tentaram identificar jornalistas da TV Globo e gritaram que iriam "botá-los para correr". Um carro da Globo chegou a sofrer tentativa de depredação na Esplanada dos Ministérios.

Nesta sexta-feira (13), 29 novas ações do Plano Municipal de Contingência do Covid-19, realizadas pela Prefeitura do Recife foram anunciadas pelo prefeito Geraldo Julio após a confirmação dos dois primeiros casos da nova doença Covid-19 em Pernambuco.

Em reunião com o secretariado, o gestor apresentou as iniciativas que estão sendo tomadas pelo Comitê Municipal de Resposta Rápida, montado pela Secretaria de Saúde do Recife desde o dia 28 de janeiro e que já realizou 19 ações na cidade até ontem.

Fique por dentro:
http://bit.ly/2xBzKqh

Com um investimento de R$ 850 mil, o serviço é mais uma ação da Operação Inverno 2020
Com um investimento de R$ 850 mil, o serviço é mais uma ação da Operação Inverno 2020Foto: Andrea Rego Barros / PCR

A esperança foi renovada na comunidade do Córrego do Curió em Dois Unidos. O prefeito Geraldo Julio autorizou na noite desta terça-feira (10), o início das obras de contenção definitiva de encosta na localidade, levando tranquilidade, segurança e bem estar para as 25 famílias beneficiadas na localidade. A região também foi beneficiada com o Ilumina Recife e recebeu novos pontos luz de LED. As obras fazem parte da Operação Inverno 2020, que estão em andamento desde janeiro, com doversas ações como a limpeza dos 99 canais da cidade e a colocação de lonas em mais de 1.000 pontos em apenas um mês e meio.

Durante o ato de assinatura de Ordem de Serviço, o prefeito Geraldo Julio falou sobre a iniciativa. “Mais uma obra importante de infraestrutura nas áreas de morro do Recife que vai trazer mais tranquilidade para quem mora nessas regiões. Mas uma obra definitiva aqui no Córrego do Curió que teve um investimento de R$ 850 mil e vai deixar 25 famílias embaixo e encima da ladeira em segurança. Semana passada demos várias ordens de serviços, também inauguramos obras, só do Programa Parceria temos 350 frentes de trabalho espalhadas pela cidade. Este é um dia importante para essa comunidade e estamos muito felizes”, destacou o prefeito.

Com um investimento de R$ 850 mil, o serviço é mais uma iniciativa da Operação Inverno 2020 e será realizado pela Autarquia de Urbanização do Recife (URB). Com prazo de execução para 120 dias, a obra vai abranger uma área de aproximadamente 90 metros e vai incluir 500m² de passeios de acesso à comunidade, 250m² de drenagem, 1.200m² de revestimento em tela argamassada, além do muro de arrimo.

João Batista, diretor de Engenharia e Obras da Urb, falou sobre o serviço. “Esta obra faz parte da Operação Inverno, que em parceria com a Defesa Civil da cidade definimos as obras de risco muito alto e estamos dando prioridade. Essa obra é a primeira etapa. Estamos pleiteando junto ao governo os recursos para a segunda fase. Temos outras 20 de contenção e proteção de áreas de risco já licitadas e contratadas pela Prefeitura do Recife e aguardam só a liberação de verbas por parte do Governo Federal”, explicou.

Apenas entre 2019 e início de 2020, 20 obras de contenção definitiva de encostas, contemplando as áreas de risco da cidade com serviços de estabilização e contenção, drenagem, instalação de tela argamassada e construção muro de arrimo e escadarias foram realizadas. Atualmente, estão em andamento mais seis obras deste tipo: Rua Córrego São Domingos Sávio, no Alto José Bonifácio, Rua Francisco Paulo dos Santos com a Primeira Travessa José Menezes Lyra Filho, em Dois Unidos, Rua João Carneiro da Cunha, em Rosa Selvagem, rua Córrego da Telha, no Passarinho, rua Benigno Jordão de Vasconcelos, no Ibura, e na Travessa da Diadema, no Vasco da Gama.

Operação inverno – Os trabalhos da Operação Inverno 2020 estão em andamento desde janeiro, com a limpeza dos 99 canais da cidade e a colocação de lonas em cerca de 1.000 pontos em apenas um mês e meio. Para este ano, a Prefeitura do Recife contará com o trabalho de 11 secretarias e órgãos, envolvendo 6.145 funcionários. Pela Defesa Civil, até o final da Operação Inverno, estão previstas 50 mil vistorias, 16 mil pontos de lonas aplicados, o que corresponde a 3,3 milhões de metros quadrados de lona, além de 12 simulados de prevenção de desastres, 58 obras de Geomanta e 500 obras do Parceria, onde a Prefeitura fornece o material e a orientação técnicos, e os moradores executam o serviço. Também estão previstas ações para a eliminação de 10 pontos críticos de alagamentos, 300 ações em escolas para a conscientização de jovens e crianças e 12 simulados de preparação para evacuação em casos de emergência. Por parte da Autarquia de Urbanização do Recife (URB), estão previstas a execução de 26 obras de contenção de encostas. Pela Emlurb, também serão recuperadas 140 escadarias, incluindo o sistema de drenagem destas vias.

pcr

Crédito: Andrea Rego Barros / PCR

assuntos

comece o dia bem informado: